Carregando...
Você está aqui:  Home  >  Cotidiano  >  artigo atual

Arte múltipla vai reunir a diversidade Cultural em fazenda histórica

De   /  11/08/2017  /  Sem comentários

    Imprimir       Email

Evento no dia 19 de agosto, na Fazenda Atibaia, no distrito de Sousas, terá alguns dos principais nomes de diferentes linguagens artísticas de Campinas e região

Uma celebração das artes, um tributo aos criadores e produtores culturais de Campinas e região. No dia 19 de agosto, o conjunto arquitetônico histórico da Fazenda Atibaia, representativo dos Ciclos da Cana-de-Açúcar e do Café, será o palco de ARTE MÚLTIPLA, evento que reunirá a diversidade das linguagens artísticas e da produção cultural de Campinas e região.  O evento tem a produção artística de Ligia Testa, que também assina a direção artística, ao lado de Liliana Testa e Rosa Gomes. ARTE MÚLTIPLA é aberto ao público que gosta de arte, com entrada grátis, e palestras para arquitetos e designers convidados.

Entre 11 e 17 horas, os presentes serão brindados com palestras sobre patrimônio histórico e decoração e vários pocket shows e poderão apreciar as obras em pintura e escultura do artista internacional Adelio Sarro e também de Sandra Pardo Sarro e dos renomados fotógrafos Paulo Altafin, Marcio Pilot, Daniel Gallo e Daniel von Atzingen.

Ao longo do dia, serão oferecidas opções de comida de Bikefood. Para encerrar a programação, quatro números de ballet da Academia Íris Ativa/Lina Penteado, uma das mais importantes e premiadas do interior de São Paulo.

ARTE MÚLTIPLA oferecerá atrações para satisfazer os cinco sentidos e também terá perfil beneficente. Parte da renda será destinada às Casas Lares Uniasec, uma instituição localizada na Vila Teixeira, que presta serviços de alta complexidade para 40 crianças encaminhadas pela Vara da Infância e Juventude.

São parceiros: Fazenda Atibaia, Antonia Maria Zogaib/Relações Públicas e Eventos, Academia Íris Ativa/Lina Penteado, Rabeca Cultural, Instituto Anelo, Chorus – Escola de Música, Brookfield, Body Concept, Especialista Fine Art, Agência Social de Notícias e Promolink Marketing Promocional. Agradecimentos: Cris Mazzer Tecidos, Glória Queiroz Cerâmica, Impactus Serviços, Móveis Mourão e ShowArte Iluminação.

Arquitetura e patrimônio histórico –  A Fazenda Atibaia, no distrito de Sousas, é representativa do patrimônio histórico remanescente do Ciclo da Cana-de-Açúcar e do Café. Foi construída no final do século 18 e ampliada no século 19.

O restauro da Fazenda Atibaia durou 10 anos, pelas mãos da arquiteta Ana Villanueva, cuja trajetória profissional tem estreita ligação com a proteção e conservação do patrimônio histórico local e regional.       Detalhes do processo de restauração serão apresentados pela própria Ana Villanueva na primeira atividade do ARTE MÚLTIPLA, às 11 horas do dia 19 de agosto.

Com cursos na Itália, França e Portugal, a arquiteta defendeu na Unicamp sua tese de doutorado, “Campinas clássica: a Catedral Nossa Senhora da Conceição e o engendramento de uma arquitetura monumental clássica urbana no Brasil (1807-1883). Entre outros projetos, assinou (com a arquiteta Sandra Geraldi) o do restauro do edifício da Fábrica Lidgerwood, Ana Villanueva teve papel relevante na criação e estruturação do Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Campinas (Condepacc).

Às 14 horas, outra palestra será ministrada pelo artista plástico e decorador Marcos Garcia. Ele falará sobre o papel da arte como fator determinante na exclusividade e inovação do projeto decorativo. Marcos Garcia tem formação na França e Bélgica. Entre outros, trabalhou com Luis Ansa, professor do Institut National de Restauration du Louvre, e depois com o cenógrafo Roberto Plate, com o qual realizou vários cenários para teatros franceses e para a Ópera de Paris. Em 1986, já na Bélgica, se formou em Artes pela École Superieur de Peinture Van der Kelen em Bruxelas. Garcia vive há vários anos em Campinas.

Durante a programação, os convidados terão a oportunidade de conhecer a Fazenda Atibaia através de Patrícia Esgaib. Ela é irmã de Vanessa Sckwarenbeck Esgaib, proprietária da Fazenda Atibaia.

Artes plásticas em alto nível – As artes plásticas e visuais estarão presentes em alto nível no ARTE MÚLTIPLA, com obras em pintura, escultura e fotografia. Os convidados já serão surpreendidos ao chegar ao evento com as esculturas de Adelio Sarro, espalhadas pelos jardins da Fazenda Atibaia.

Adelio Sarro levará cerca de 40 esculturas e número semelhante de pinturas, que estarão expostas na galeria da fazenda. Nascido em Andradina, Adelio Sarro é hoje um dos pintores brasileiros mais conhecidos na cena internacional.

Desde a década de 1980 expõe regularmente no exterior. Em 2016 expôs um conjunto de 34 obras no Today Art Museum de Beijing, na China. A mostra esteve antes no Museu de Arte Moderna de Moscou e Museu da Academia de Arte de St.Petesburgo. Nos últimos três anos, Adelio dedicou-se a um projeto muito especial, a construção de um Instituto Internacional de Artes em Vinhedo, onde reside. Será um espaço para a promoção das artes, um espelho da generosidade do artista.

Adelio estará acompanhado na galeria da Fazenda Atibaia de obras da esposa, Sandra Pardo Sarro, pintora da delicadeza das flores. A temática floral de Sandra encanta à primeira vista, pela beleza das cores e sofisticação da técnica. Ela já expôs em cidades brasileiras e no exterior.

As artes visuais, por sua vez, estarão representadas no ARTE MÚLTIPLA com obras de quatro expoentes da fotografia contemporânea, que serão expostas em salas especiais da Fazenda Atibaia: Paulo Altafin, Marcio Pilot, Daniel Gallo e Daniel von Atzingen.

O piracicabano Paulo Altafin tem uma produção fotográfica multifacetada, com trabalhos nas áreas da arquitetura, corporativa, fashion, natureza e fine art. Fotografar gente sempre foi o foco central e a inspiração de Marcio Pilot. No Arte Múltipla, vai expor obras da série Nude Works.

O campineiro Daniel Gallo aprofundou sua inclinação no curso de Publicidade e Propaganda da PUC-Campinas. Temporadas em Barcelona e na Itália dilataram seus horizontes e, na volta ao Brasil, passou a se dedicar à fotografia criativa. Daniel Von Atzingen formou-se igualmente na PUC-Campinas, mas na área de Artes Visuais. A fotografia autoral é seu foco central, mas o olhar inquieto mira outros panoramas.

Dança e música – Alguns dos nomes mais importantes e tradicionais da dança e música de Campinas e região estarão unidos para complementar o cardápio de ARTE MÚLTIPLA. O brinde à dança será oferecido pela Academia Íris Ativa-Lina Penteado, resultado da junção de dois dos principais territórios da dança no interior paulista.

A Academia Lina Penteado iniciou sua caminhada de sucesso em 1952 e tem o nome de sua fundadora, pioneira em vários aspectos, como na associação, em 1970, à Royal Academy of Dance, de Londres. A Academia Íris Ativa, por sua vez, mantém uma trajetória igualmente destacada desde 1986, sob a direção de Liliana Testa. Já são vários prêmios obtidos, como no Festival de Dança de Joinville, um dos mais importantes das Américas.
No Arte Múltipla, a Academia Íris-Ativa Lina Penteado apresentará por volta de 16h30 quatro números: 1. Grand Pas de Deux de “Dom Quixote” com Camila Serra e Carlos Santos (ex-bailarino da Cia Joburg, Johannesburg, África do Sul); 2.”A Morte do Cisne”, com Daniela Steck; 3. Grupo Juvenil, com coreografia premiada de Luciana Checchia: “Sopro da Alma”; e Grupo Adulto, com coreografia premiada de Ana Lúcia Ferraz: “Ao redor do luar”.

O menu musical será compartilhado com os convidados do evento Arte Múltipla por quatro destacadas griffes do setor em Campinas, que vão proporcionar vários pocket shows: Chorus Music, Instituto Anelo, Rabeca Cultural e Lucas Carrasco e Quarteto. A direção artística será de Rosa Maria Gomes, que é diretora da Chorus Music.

O Instituto Anelo é uma associação civil sem fins lucrativos, que oferece ensino musical gratuito para crianças e adolescentes da região do Jardim Florence II. Já atendeu a mais de 2.500 alunos. Durante o evento na Fazenda Atibaia, músicos do Instituto Anelo vão interagir com os convidados, percorrendo o casarão histórico ao longo da programação.

Rabeca Cultural é um espaço de várias artes, localizado no Distrito de Sousas, em Campinas. Estará representado no Arte Múltipla com trio formado por ha Machado (voz e violão), Marcelo Spínola (piano) e Lígia Thomé (voz). A Chorus Music é uma renomada escola de música de Campinas, com muitas apresentações e premiações no currículo. A escola estará representada no ARTE MÚLTIPLA por dois grupos, um de jazz e outro voltado à música pop e MPB. Lucas Carrasco e Quarteto tem uma formação jovem e que vem se destacando na cena jazz de Campinas e região.

Parcerias – São parceiros do evento: Fazenda Atibaia, Antonia Maria Zogaib/Relações Públicas e Eventos, Academia Íris Ativa/Lina Penteado, Rabeca Cultural, Instituto Anelo, Chorus – Escola de Música, Brookfield, Body Concept, Especialista Fine Art, Agência Social de Notícias. Agradecimentos: Cris Mazzer Tecidos, Glória Queiroz Cerâmica, Impactus Serviços, Móveis Mourão e ShowArte Iluminação.

DATA: 19 de agosto

HORÁRIO: 11 às 17 horas

LOCAL: Fazenda Atibaia, avenida Mario Garnero, distrito de Sousas, Campinas, São Paulo

ARTES PLÁSTICAS: Adelio Sarro e Sandra Pardo Sarro

FOTOGRAFIA: Paulo Altafin, Marcio Pilot, Daniel Gallo e Daniel von Atzingen

MÚSICA: Chorus Music, Instituto Anelo, Rabeca Cultural e Lucas Carrasco e Quarteto

ALIMENTAÇÃO: Opções de bikefoods.

PÚBLICO: ARTE MÚLTIPLA é um evento para o público em geral, com entrada gratuita. O estacionamento é com vallet e pago. Haverá palestras especiais para arquitetos e designers convidados.

    Imprimir       Email
  • Publicado: 4 meses atrás, em 11/08/2017
  • De:
  • Última modificação: agosto 11, 2017 @ 9:11 am
  • Arquivado em: Cotidiano

Sobre o autor

Mictmr1964

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar também...

Operação prende foragida da justiça do Rio Grande do Sul no Shopping

leia mais →