Carregando...
Você está aqui:  Home  >  Esporte  >  artigo atual

Fotos exclusivas de reunião em Paris têm Cabral com Gryner e Nuzman na ‘festa dos guardanapos’

De   /  5 de outubro de 2017  /  Sem comentários

    Imprimir       Email

O ex-governador Sérgio Cabral reunido com Arthur Nuzman, e o diretor-geral de operações da Rio-2016 (de óculos e de costas usando terno marrom) –

RIO – O GLOBO teve acesso a fotos da participação do então governador Sérgio Cabral, do presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, e do diretor-geral de operações da Rio-2016, Leonardo Gryner, em ao menos dois de quatro eventos realizados em 14 de setembro de 2009, em Paris, na segunda-feira que terminaria na comemoração conhecida como “farra dos guardanapos”. Nuzman e Gryner foram presos nesta quinta-feira, em novo desdobramento da operação Unfair Play.

Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e do Comitê Rio 2016, é preso em desdobramento da Lava-Jato no RioDepois de ser alvo de operação, Nuzman retificou imposto e declarou 16 barras de ouro ocultas na Suíça

A agenda que antecedeu a festança feita em uma casa de shows na Champs-Elysées foi intensa para um seleto grupo brasileiro que tinha um só objetivo: sair da França com a certeza de que o Rio seria a sede dos Jogos Olímpicos de 2016.

O primeiro evento daquela segunda-feira festiva foi a cerimônia de entrega a Cabral da Medalha Légion d’Honneur do governo francês. Logo em seguida, uma reunião técnica para discutir como seria apresentada a candidatura do Rio ocorrida no salão de convenções de um hotel, em Paris, comprova que além de Gryner, Nuzman e Cabral, participaram também os ex-secretários Sérgio Côrtes e Wilson Carlos.

As imagens reforçam as suspeitas do Ministério Público Federal (MPF), no âmbito da operação Unfair Play, de que a “farra dos guardanapos” pode ter sido a comemoração antecipada da vitória da Rio-2016.

O encontro, até hoje mantido nas sombras, foi relatado por Gryner no Rio em depoimento sigiloso — ao qual O GLOBO teve acesso — dado a procuradores do Ministério Público Federal (MPF) e de seu equivalente francês.

Nesta reunião, suspeitam os investigadores, Nuzman e Cabral já tinham o sinal verde de que ao menos um voto seria revertido entre jurados do Comitê Olímpico Internacional (COI): Lamine Diack.

A reunião tratou de um possível patrocínio do “Rei Arthur” a eventos da IAAF de Diack no Brasil, como o “Grand Prix” de atletismo — os torneios nunca aconteceram. Gryner revelou ainda que um dos maiores interessados na promoção de tais eventos era Papa Massata, filho de Lamine, que telefonava com regularidade para saber em que pé estava o acordo.

– POR CHICO OTAVIO E DANIEL BIASETTO 05/10/2017 10:01 / atualizado 05/10/2017 11:21

www.oglobo.globo.com/brasil/fotos-exclusivas-de-reuniao-em-paris-tem-cabral-com-gryner-nuzman-na-festa-dos-guardanapos-21910375?utm_source=notificacao-geral&utm_medium=notificacao-browser&utm_campaign=O%20Globo

    Imprimir       Email
  • Publicado: 2 semanas atrás, em 5 de outubro de 2017
  • De:
  • Última modificação: outubro 5, 2017 @ 10:40 am
  • Arquivado em: Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar também...

Com Brasil em segundo, ranking da Fifa define cabeças de chave da Copa

leia mais →