Carregando...
Você está aqui:  Home  >  Municípios  >  artigo atual

Bando armado invade fazenda, faz família refém e furta armas

De   /  14/11/2017  /  Sem comentários

    Imprimir       Email

O dono do sítio disse que esta é a sexta ocorrência registrada em sua propriedade.

Foto: divulgação

Vale do Paraíso, RO – Seis homens, alguns deles encapuzados e armados, invadiram, no início da noite deste domingo (12), uma propriedade. Após fazerem refém uma mulher e duas crianças, subtraíram três armas de fogo. O assalto aconteceu no ramal da linha 614, zona rural do município de Vale do Paraíso.

A vítima, de 38 anos, informou que naquela noite encontrava-se na residência da propriedade onde trabalha como caseiro, juntamente com sua família, quando aproximadamente seis homens, alguns deles encapuzados, invadiram o local. Disse que, ao avistar um dos invasores armado, evadiu-se pelo pasto.

O bando, ao entrar na residência, rendeu a esposa e dois filhos menores que, sob a mira de espingardas, aparentando ser de calibre 12, ficaram impossibilitados de qualquer reação. Os criminosos, em seguida, subtraíram três armas de fogo que estavam no interior da casa, sendo elas espingardas de calibres 12 (escopeta), 32 e 36.

Além das armas, também foram subtraídos dois aparelhos celulares, Motorola Moto G4 e LG K7, dois frascos de perfume e a quantia de R$ 2.000,00. Em seguida, fugiram em direção à mata. A vítima relatou que as armas roubadas possuem registro.

O caseiro e o dono do sítio foram até a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp), da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste, e registraram o ocorrido. E acrescentaram que esta é a sexta vez que registram ocorrência relacionada a esse mesmo problema. E que há invasores na fundiária da propriedade ligados ao Movimento Sem Terra (MST) e Liga dos Camponeses Pobres (LCP).

– Fonte: Gazeta Central
    Imprimir       Email
  • Publicado: 6 dias atrás, em 14/11/2017
  • De:
  • Última modificação: novembro 14, 2017 @ 7:56 am
  • Arquivado em: Municípios, Polícia

Sobre o autor

Mictmr1964

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar também...

Presos suspeitos de três assassinatos em Ji-Paraná

leia mais →