Carregando...
Você está aqui:  Home  >  Política  >  artigo atual

Germano Soares entra com Ação Popular para que as Organizações Sociais não sejam implantadas

De   /  16/05/2018  /  Sem comentários

    Imprimir       Email

Após estudos e pesquisas realizadas por vários líderes dos servidores municipais, constatou-se que em várias capitais onde utilizou-se as Organizações Sociais, o custo com o serviço aumentou, a qualidade do atendimento não melhorou.

Germano Soares, presidente da PÚBLICA – CENTRAL DO SERVIDOR

Porto Velho, RO – Germano Soares, presidente da PÚBLICA – CENTRAL DO SERVIDOR, protocolou uma Ação Popular na Comarca de Porto Velho, tendo como objetivo impedir que as Organizações Sociais sejam implantadas e possam “cuidar” da Saúde, Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Meio Ambiente.O tema foi bastante debatido entre os servidores da prefeitura, houve Audiência Pública na Assembleia Legislativa e na própria Câmara de Vereadores mas, infelizmente, a administração da capital de Rondônia não se dignou a comparecer e expor/defender a vinda das OS’s.

Após estudos e pesquisas realizadas por vários líderes dos servidores municipais, constatou-se que em várias capitais onde utilizou-se as Organizações Sociais, o custo com o serviço aumentou, a qualidade do atendimento não melhorou e ocorreram diversos casos de má utilização do dinheiro público.

Buscou-se o apoio dos Vereadores, na tentativa de mostrar que seria um tremendo erro aprovar o projeto de lei enviado pelo Executivo Municipal, porém o êxito não foi alcançado, a maioria dos parlamentares municipais optaram por dizer SIM ao desejo do Prefeito de Porto Velho.

Segundo Germano Soares “ Esgotada a via administrativa, restou-me buscar a intervenção do Poder Judiciário, na esperança que seja decidido o que for melhor para nossa cidade. Muitos estão comigo nesta empreitada, seria impossível nominá-los, mas saibam que continuamos juntos. A guerra ainda não terminou!”

da Assessoria 

    Imprimir       Email
  • Publicado: 2 meses atrás, em 16/05/2018
  • De:
  • Última modificação: maio 16, 2018 @ 8:54 am
  • Arquivado em: Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *