Carregando...
Você está aqui:  Home  >  Economia  >  artigo atual

Dia de Campo Safrinha da Embrapa acontece dia 21 de junho em Vilhena, RO

De   /  13/06/2018  /  Sem comentários

    Imprimir       Email

Mais de 60 opções de milho e outras culturas para segunda safra estarão disponíveis aos produtores

A Embrapa e parceiros realizam o tradicional Dia de Campo Safrinha no dia 21 de junho, a partir das 8 horas, no Campo Experimental da Embrapa em Vilhena (RO), localizado na BR-364, Km 6. O evento é gratuito e a inscrição será realizada no local. Estarão à disposição do público mais de 60 opções de cultivares de milho além de materiais de sorgo, girassol e demais tecnologias que já estão disponíveis no mercado. Também serão apresentados sistemas como a Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) e o Plantio Direto, assim como demonstração de tecnologias para aplicação de defensivos agrícolas, práticas culturais, manejo e comercialização. O evento é uma oportunidade aos produtores e técnicos de conhecerem novidades e se prepararem para o plantio da safrinha, ou segunda safra, do próximo ano agrícola.

Quando se fala em safrinha, o milho é a principal cultura em Rondônia. No contexto geral, é o segundo principal grão produzido no estado e está entre os cinco maiores produtos da agropecuária rondoniense, em termos de valor bruto da produção, que em 2017 foi de quase R$403 mil. Para esta safrinha, enquanto dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab, 2018) apontam redução de 6,1% na produção, em Rondônia, a estimativa é de aumento de 4,5%, tanto em produção quanto em produtividade. Segundo o pesquisador da Embrapa Rondônia, Vicente Godinho, o clima favorável e o uso de mais tecnologias em fertilizantes são os responsáveis por estes bons resultados no estado. “Tudo indica que estas estimativas serão superadas e teremos uma safra recorde de milho em Rondônia”, aponta Godinho.

O pesquisador Vicente Godinho explica que a safra de verão do milho, semeada de outubro a dezembro, possui caráter social no estado, uma vez que é conduzida praticamente por agricultores familiares e caracteriza-se pela pouca utilização de tecnologia e uma produção basicamente de subsistência. Já para a safrinha há o uso de alta tecnologia e é realizada por grandes produtores. O grão produzido é utilizado tanto internamente em Rondônia, como também exportado para demais estados do Brasil e outros países.

Rondônia: 2º maior produtor de milho safrinha da região Norte, sendo os municípios de Vilhena, Corumbiara, Chupinguaia e Cerejeiras os maiores produtores. Vilhena é responsável por praticamente um terço da produção, aproximadamente 98% da produção de milho é de segunda safra, cultivado em sucessão à soja. De acordo com dados da Conab, a área cultivada com milho safrinha no estado é de 156,6 mil hectares e a previsão de produção para a safra 2017/2018 são de 719 mil toneladas.

Realização e parcerias

O Dia de Campo Safrinha 2017 é uma realização da Embrapa Rondônia e conta com a parceria da Prefeitura Municipal de Vilhena, Central Agrícola, Sementes Santa Helena, LG, Agroeste, FMC, Conab, Bayer, KWS, Nidera Sementes, Agro Cat, Advanta Sementes, Nufarm, Syngenta, Soesp, Tratoron, Cropfield, Adama, Biomatrix, Agro Amazônia, Ihara, Nortox, SeedCorp e Sempre.

– Renata Silva (MTb 12361/MG) / Embrapa Rondônia/rondonia.imprensa@embrapa.br

 

    Imprimir       Email
  • Publicado: 1 semana atrás, em 13/06/2018
  • De:
  • Última modificação: junho 13, 2018 @ 8:49 am
  • Arquivado em: Economia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *