Vereador denuncia má administração na Secretaria da Saúde

Dinheiro fica parado na secretaria, enquanto a população precisa de médicos, diz Serginho

Costa Marques, RO – O vereador Sérgio Pinheiro da Silva, o Serginho (Podemos), de Costa Marques, denunciou que em 2019 a Secretaria Municipal da Saúde recebeu R$ 2.585.404,18 mas utilizou apenas cerca de R$ 1.700.000,00. Ele afirmou que os R$ 850 mil previstos no orçamento que não foram utilizados deixaram de beneficiar milhares de famílias que precisam de atenção da prefeitura.

Neste ano, de acordo com o vereador Serginho, já foram destinados ao Fundo Municipal da Saúde R$ 1.588.262,39, sendo que parte desses recursos são oriundos de emendas parlamentares destinadas em 2019. “Somente depois de um ano chega à Câmara de Vereadores o projeto prevendo a utilização desses recursos”, destacou.

Serginho explica que nesse tempo em que os recursos de emendas de deputados federais ficaram parados nas contas da prefeitura, teria sido possível, com esse dinheiro, contratar clínicos gerais para reduzir a fila de pacientes nos postos de saúde.

Saiba Mais:

“Há médicos disponíveis em Costa Marques, que poderiam ser contratados. Estão morando na cidade e poderiam trabalhar para o município. Digo logo isso para que ninguém fale que é difícil contratar médicos”, prosseguiu o vereador Serginho.

Segundo ele, enquanto a prefeitura de Costa Marques prega economia, no ano passado vereadores levaram pacientes para serem atendidas em outros municípios. “Isso porque aqui não há médicos suficientes, sendo que existe dinheiro para contratação”, finalizou.

Redação/CN

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *