Prefeito acompanha eleição da Diretoria do Conselho da mulher em Porto Velho

O órgão fiscaliza a política de garantia, da defesa dos direitos da mulher.

O prefeito Hildon Chaves prestigiou nesta quinta-feira (13) a eleição e posse da nova diretoria, gestão 2020-2022, do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher – CMDDM. O prefeito parabenizou a nova Diretoria e também da secretária municipal de Educação, Gláucia Negreiros e destacou a importância do colegiado para a defesa dos direitos das mulheres em Porto Velho.

O CMDDM é um órgão deliberativo, normativo, consultivo e fiscalizador da política de garantia, promoção e defesa dos direitos da mulher e fica vinculado à Coordenadoria Municipal de Mulheres, integrante da Chefia de Gabinete do prefeito.

A Diretoria Executiva para o Biênio 2020-2022 é composta por: Presidente – Izabel Cristina da Silva – Secretaria Municipal da Educação; Vice-Presidente – Ana Paula Lucas de Amorim Alves – Ordem dos Advogados do Brasil; 1ª Secretária Executiva – Itaci Alves Ferreira – Secretaria Municipal de Saúde; 2ª Secretária Executiva – Sheila Cristiane Barroso da Silva – Grande Loja Maçônica do Estado de Rondônia GLOMARON. Os demais membros serão apresentados posteriormente pela Diretoria em reunião interna.

A presidente Izabel Cristina da Silva demonstrou sua gratidão por tomar posse no Conselho, “principalmente neste momento especial de pandemia, que nos faz refletir todo trabalho que a mulher realiza”.

ELEIÇÃO

O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher será composto por 12 membros titulares, e seus suplentes, escolhidos entre representantes dos Poderes Executivo e Legislativo e Organizações Representativas da Sociedade, escolhidos da seguinte forma: 05 (cinco) membros titulares e seus respectivos suplentes, indicados pelo Chefe do Executivo, oriundos das seguintes unidades: Gabinete do Prefeito/Coordenadoria Municipal de Mulheres; Secretaria Municipal de Ação Social – SEMAS; Secretaria Municipal de Educação – SEMED; Secretaria Municipal de Saúde – SEMUSA; Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sócio Econômico – SEMDES; 01 (um) membro titular e seu suplente, indicados pelo Poder Legislativo Municipal; 06 (seis) membros e seus respectivos suplentes, indicados por Organizações Representativas da Sociedade Civil Organizada, com atuação comprovada na área de defesa dos direitos da Mulher há no mínimo 02 (dois) anos.

Fonte: Comdecom

Faça seu Comentário