Emater irá fortalece agricultura familiar no setor chacareiro

Equipes técnicas da Emater irá visitar os chacareiros da Associação de Ação Popular Integrada Hortifrutigranjeiros da União

Porto Velho, RO – Dentre vários problemas causados pela pandemia de COVID-19, a escassez de alimentos tem preocupado as autoridades. Diante disso, nesta terça-feira (18), equipes técnicas da Emater irá visitar os chacareiros da Associação de Ação Popular Integrada Hortifrutigranjeiros da União (AAPIGHU).

O objetivo da missão, segundo decisão tomada ao menos duas semanas atrás, ‘é elaborar um diagnóstico sobre a potencialidade do setor para melhorar a produtividade da agricultura familiar’, informou Gabriela Camargo, 46, presidente da Associação.

Também esta previsto na pauta, a análise da qualidade do solo para melhorar a produção, além da assistência técnica permanente a todos os agricultores, bem como, celeridade na renovação do Cadastro Ambiental Rural (CAR) e da DAP (ADAP – Declaração de Aptidão do PRONAF, utilizada como instrumento de identificação do agricultor familiar para acessar políticas públicas, como por exemplo, o Programa Nacional de Fortalecimento a Agricultura Familiar – PRONAF).

De acordo com o Diretor-Presidente da Emater, o médico-veterinário Leandro Brandão, segundo ele, ‘já estamos no Setor Chacareiro, mas, agora, a pedido da AAPIGHU, faremos um diagnóstico completo das demandas locais’.

De acordo com um porta-voz da entidade chacareira, estarão presentes no encontro o corpo técnico da EMATER, equipes do ESLOC (Escritório Local Imigrantes) e da Regional da empresa especializadas na área de agricultura familiar. Além do titular do órgão, o vice-presidente José de Arimateia, também integrará a comitiva que já estiveram no Setor Chacareiro em 2019.

Na ocasião, a diretiva da AAPIGHU repassou a parte maior das demandas, entre as quais, aquisição de  calcário, assistência técnica, doação de insumos, além de mudas, sementes, maquinários e equipamentos, visando o incremento das atividades econômicas entre os chacareiros.

Mesmo sem a presença do Governador do Estado, a ida das equipes da EMATER, segundo a presidente da entidade rural, ‘deve causar grande expectativa e, certamente, ajudará a superar todos os desafios vivenciados por Associados’.     

Dentro do cronograma das demandas a serem discutidas e encaminhadas à direção central da EMATER, figuram o aumento do número de Associados da AAPIHGU no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), além da elaboração de uma tabela de preços mínimos aos produtos, fomento, crédito diferenciado e realização da ‘Feirinha dos Chacareiros’.

Por Xico Nery

Spread the love

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *