Festival do Tambaqui é destaque em Fórum dos Secretários da Agricultura da Amazônia Legal

Resultado do festival em 2019 foi positivo, pois trouxe um aumento de 300% na procura pelo produto em cativeiro no Estado.

O maior evento on-line do agronegócio da Amazônia, o Agrolab, reuniu na quarta-feira (23) todos os secretários de estado da agricultura da região Norte para participação do Fórum dos Secretários da Agricultura da Amazônia Legal, onde debateram várias propostas voltadas ao desenvolvimento do agronegócio. O Festival do Tambaqui da Amazônia também fez parte da pauta do Fórum. Em 2019, o Governo de Rondônia e parceiros levaram o festival para Brasília, onde foram assadas mais de quatro mil bandas do pescado, totalizando seis toneladas distribuídas à população brasiliense.

Cada secretário estadual teve a oportunidade de comentar sobre os temas da pauta e destacar as dificuldades e avanços de seus respectivos estados. Estiveram presentes na reunião os secretários dos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Minas Gerais, Goiás e Tocantins, além da participação do Sebrae Rondônia.

O secretário de Estado da Agricultura de Rondônia (Seagri), Evandro Padovani, participante e mediador do fórum, ressaltou que essa união entre os estados deve acontecer para fortalecer o agronegócio na Amazônia. “Nós precisamos juntar forças e trabalhar em um projeto de integração regional para fortalecer as atividades do agronegócio que envolvem a região Norte”, ressaltou.

Fórum contou com a participação de todos os secretários de Agricultura da região Norte

Sobre o Festival do Tambaqui da Amazônia, Padovani explicou que o intuito é incluir todos os estados da região Norte à participação dos próximos anos. “O grande desafio é fazer a conjugação de esforços para alavancar a produção pesqueira do tambaqui na macrorregião e tornar o festival não apenas nacional, mas internacional. No festival, também será uma grande oportunidade de apresentar outros produtos produzidos na Amazônia”, completou.

Neste ano, por causa da pandemia, não foi realizado o festival em Brasília. Mas o resultado de 2019 foi positivo, pois trouxe um aumento de 300% na procura pelo produto em cativeiro no Estado, gerando grande crescimento ao mercado interno e externo.

Fonte: Seagri

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *