Prefeito flexibiliza restrições e disponibilizará medicação para ‘tratamento precoce’

Sebastião Melo, o novo prefeito de Porto Alegre, já iniciou o ano surpreendendo os moradores da cidade…

Melo parece ter ouvido os desejos da população durante a campanha, já que uma de suas primeiras medidas após tomar posse do novo cargo foi um decreto de flexibilização das medidas restritivas relacionadas ao enfrentamento da Covid-19 impostas pelo seu antecessor, Nelson Marchezan e pelo governador do estado, Eduardo Leite.

Com o decreto, missas e cultos estão liberados de cumprir o limite de 90 minutos de duração; bares, restaurantes e lanchonetes, inclusive em shoppings, não têm mais horário definido para abrir e podem oferecer o serviço de drive-thru, tele entrega e pague e leve sem restrição de horário. A flexibilização também acaba como limite de ocupação 50% de frequentadores de comércios de rua.

Logo após a publicação do decreto, Melo anunciou que disponibilizará, na rede pública, a medicação necessária para o chamado ‘tratamento precoce’ da Covid-19.

Segundo ele, seu papel como prefeito não é o de indicar tratamentos, mas, sim, de disponibilizar todos os medicamentos possíveis, entre eles a hidroxixloroquina, azitromicina, invermectina e outras drogas, como zinco e vitamina D, para que os médicos possam tomar a decisão e indicar o tratamento que acreditam ser o mais indicado:

O tratamento precoce é feito em milhares de cidades do Brasil. Não me perguntem se sou a favor ou contra. Compete ao médico receitar, é entre médico e paciente”, disse ele.

Fonte: JCO

Spread the love

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *