Comerciantes promovem carreata em protesto pelo fim do isolamento e pedem reabertura do comércio em Porto Velho

Espalhar a Notícia
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Além de fechar bares, restaurantes e demais serviços considerados não essenciais, o governador decretou toque de recolher durante 10 dias.

Na manhã desta terça-feira (26), empresários realizam uma carreata percorrendo as ruas da capital protestando contra o fechamento do comércio e pedindo a reabertura e também a criação de novos leitos para pacientes infectados com o covid-19.

No dia 17 deste mês, um novo decreto colocou 28 municípios na fase 1 do distanciamento social como forma de enfrentamento da doença. Com isso, o comercio da Capital e das demais cidades que regrediram de fase tiveram que fechar.

Além de fechar bares, restaurantes e demais serviços considerados não essenciais, o governador decretou toque de recolher durante 10 dias.

Por conta disso, os empresários decidiram chamar atenção do Estado e organizaram uma carreata nas principais avenidas da cidade, passando ainda na frente do CPA.

A comerciante Sofia Andrade, que trabalha com churrasquinho, disse que toda população está sendo prejudicada com o decreto. “É muito fácil para os nossos governantes, dentro de suas salas, decidirem a vida de um povo que trabalha de noite para comer de manhã. Nós estamos aqui por todos, pelas pessoas que estão precisando de um leito e não tem”, disse.

Fonte: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *