Coren-RO realiza fiscalização em unidades de Saúde de Porto Velho com foco na pandemia de Covid-19

Coren-RO realiza fiscalização em unidades de Saúde de Porto Velho com foco na pandemia de Covid-19

Ação iniciada nesta segunda-feira conta com o apoio do Cofen e fiscais da FNFIS

O Conselho Regional de Enfermagem de Rondônia (Coren-RO) realizará fiscalização durante toda esta semana (25 a 29) em 10 unidades de saúde de Porto Velho-RO. A ação conta com a presença de cinco fiscais e seis conselheiros regionais, verificando condições de assistência de Enfermagem que afetam diretamente na qualidade do atendimento prestado a pacientes com suspeita e/ou confirmação de Covid-19.

A ação conta com o apoio do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), e com fiscais da FNFIS.

“Nosso objetivo é verificar as portas de entrada, de urgência e emergência, nas unidades de saúde de Porto Velho-RO, visando a segurança dos pacientes e dos profissionais de Enfermagem diante do colapso causado pela pandemia de Covid-19”, destacou o presidente do Coren-RO, Manoel Neri.

Os fiscais estão verificando questões relacionadas ao exercício profissional que colocam em risco a assistência prestada ao paciente, como o dimensionamento adequado de profissionais atuantes no combate à Covid-19, condições de descanso, Equipamentos de Proteção Individual (EPI) em quantidade e qualidade satisfatória para a proteção da equipe de Enfermagem, condições de trabalho – aspectos técnicos e de segurança que podem repercutir na assistência, identificação do exercício ilegal/irregular da Enfermagem, como também manutenção do afastamento do grupo de risco, disponibilização de vacina e, ainda, avaliando a organização do serviço de Enfermagem em cada unidade de saúde.

Para esta ação foram priorizadas instituições de grande porte de Porto Velho, que concentra maior número de pacientes com Covid-19 e que detém o maior quantitativo de profissionais de Enfermagem. Foram selecionadas 10 instituições de saúde, entre hospitais gerais, hospital de campanha, UPAs e Samu.

Atuam em Rondônia mais de 18 mil profissionais de Enfermagem, sendo 4.645 enfermeiros, 11.253 técnicos e 2.750 auxiliares. Dados do Observatório da Enfermagem mostram que 525 profissionais de Enfermagem morreram vítimas de Covid-19, destes, 23 são do estado de Rondônia.

FONTE: ASCOM COREN RO

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Faça seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: