Vereador é denunciado por fazer doação irregular

Espalhar a Notícia
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
A situação flagrante do vereador poderá resultar em uma representação eleitoral por possíveis irregularidades no financiamento e/ou gastos da campanha eleitoral

O Sistema de Investigação de Contas Eleitoral (Sisconta) detectou uma suposta doação irregular de recurso de campanha realizado pelo vereador Waldison de Freitas Neves, também conhecido como Valtinho Canuto (DEM), no valor de R$ 15 mil. 

O vereador é beneficiário do Bolsa-Família, Programa do Governo Federal para cidadãos de baixa renda, de quem recebe mensalmente R$ 600 e, por isso, jamais teria condições financeiras, em situações reais de pobreza, de fazer doação de outros valores.

O Sisconta é um programa desenvolvido pelo Ministério Pùblico Federal e utilizado na identificação de candidatos inelegíveis, além de possíveis irregularidades na arrecadação ou gastos na campanha eleitoral e doações irregulares feitas por pessoas físicas.

O espelho da suposta irregularidade constam no Relatório de Conhecimento nº 161666/2020, emitido pelo MPF em Brasília, dia 11 de dezembro do ano passado e foi produzido pelo SisConta Eleitoral 2020 através de informações  obtidas por meio do cruzamento entre os dados de despesas e receitas disponibilizados no Sistema DivulgaCandContas. 

A situação flagrante do vereador poderá resultar em uma representação eleitoral por possíveis irregularidades no financiamento e/ou gastos da campanha eleitoral. Valtinho é um dos vereadores eleitos pelo bairro triângulo e é filho do ex-vereador Valter Canuto. 

O Sistema de Investigação de Contas Eleitoral (Sisconta Eleitoral) 2020 possui doze módulos, dos quais o”Ficha Suja”, o “Conta Suja” e a “Doação Irregular” são largamente utilizados para investigações eleitorais.

Fonte: Tudorondonia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *