MPF pede novamente a construção de hospital universitário da Unir

Espalhar a Notícia
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Hospital é de extrema importância para apoiar rede de saúde de Rondônia, que entrou em colapso devido à pandemia da covid-19

O Ministério Público Federal (MPF) realizou novamente na Justiça o pedido para a construção do hospital universitário da Universidade Federal de Rondônia (Unir). A ação civil pública que solicitava a elaboração do projeto do hospital foi ajuizada em 2017, mas as obras nunca foram iniciadas.

Segundo o MPF, a construção do hospital universitário é de extrema importância para apoiar a rede de saúde de Rondônia, que entrou em colapso devido à pandemia da covid-19.

Na ação civil pública ajuizada em 2017, o MPF pedia que a Justiça obrigasse a Unir a elaborar o projeto do hospital e a definir o local de instalação e o método de contratação de seus profissionais.

A Unir teve duas oportunidades para construir o hospital, em 2007 e 2014. Sempre apresentando impedimentos, a universidade chegou a devolver para a União R$ 5 milhões destinados à obra.

De acordo com o procurador da República Raphael Bevilaqua, “se, por disposição constitucional, pela demanda de saúde pública em Rondônia e por necessidade institucional da Unir na formação de profissionais médicos, a existência de um hospital universitário já era evidente, isso torna-se ainda mais necessário a partir da pandemia de covid-19, em que a rede pública de saúde estadual colapsou, o que acarretou na transferência de pacientes para outros estados da Federação”.

Fonte: Assessoria MPF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *