Governo de Rondônia estreita diálogo com municípios para fomentar políticas públicas no Cone Sul

Espalhar a Notícia
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A agenda oficial segue durante a semana por outras cidades do Estado.

O Governo do Estado de Rondônia, por meio da Casa Civil, encontra nos assuntos municipalistas uma oportunidade de entender melhor as necessidades dos munícipes através de seus prefeitos. Além de fomentar programas de governo, esse diálogo deve reforçar o apoio no combate ao avanço do coronavírus no Estado.

O secretário-chefe da Casa Civil, Júnior Gonçalves, cumpre agenda nos municípios do interior do Estado com o objetivo de estreitar relacionamento com os gestores municipais.

Responsável por coordenar a política institucional da administração pública estadual, das relações institucionais entre os Poderes Estaduais, Órgãos Federais no Estado e Poderes Municipais, a Casa Civil esteve na segunda-feira (15) em Vilhena, reunida com os prefeitos dos municípios de Colorado d’Oeste, Cabixi, Cerejeiras, Corumbiara, Chupinguaia, Pimenteiras d’Oeste e Pimenta Bueno.

Junior explica que os dois primeiros anos de gestão serviram para ajustes internos e orçamentários, para que no momento certo os investimentos começassem a ser feitos. “O governador, Marcos Rocha, nos passou a missão de iniciar uma interlocução com os 52 municípios, para entender as demandas locais. Iniciamos arrumando a casa, buscando investimentos e garantindo recursos próprios para chegássemos nesse momento de construção em conjunto”, destacou o secretário, que também elencou Infraestrutura, Educação e Agricultura Familiar como as principais Políticas Públicas a serem desenvolvidas através de programas que serão, em breve, anunciados pelo governador. 

O anfitrião e prefeito de Vilhena, Eduardo Japonês, também agradeceu ao governador pelo olhar cuidadoso com as cidades do interior, principalmente as pequenas. “É muito gratificante ver o Governo se mobilizando não só para atender os grandes municípios, mas também os pequenos. O momento é esse e estamos muito contentes”, disse.

Além dessa pauta, outro assunto importante na agenda oficial pelo Estado segue sendo o cenário de pandemia e a busca pelo apoio na fiscalização, que ainda é um dos maiores gargalos que a Administração Pública enfrenta. O secretário-chefe da Casa Civil explicou as competências dos poderes e pediu ajuda dos gestores municipais para o cumprimento efetivo das medidas sanitárias. “Sozinhos nós não conseguiremos, precisamos do apoio incondicional de todos. Não podemos esquecer que a fiscalização deve ser iniciada pelos municípios tendo à disposição o apoio das forças policiais do Estado, que já estão em operações diariamente”, lembrou Junior. 

A agenda oficial segue durante a semana por outras cidades do Estado com o mesmo objetivo de dialogar com os municípios para reforçar o apoio nas ações do governo estadual. 

Fonte: Casa Civil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *