Bolsonaro desmente “mídia do ódio” e afirma que mãe tomou a vacina de Oxford (veja o vídeo)

Bolsonaro desmente “mídia do ódio” e afirma que mãe tomou a vacina de Oxford (veja o vídeo)

O presidente afirmou que sua mãe e a acompanhante foram enganadas pelo enfermeiro

Em live nesta quinta-feira (18), o presidente Jair Bolsonaro desmentiu inúmeros veículos de imprensa que haviam afirmado que a mãe dele, dona Olinda Bonturi Bolsonaro, de 93 anos de idade, havia se vacinado com a vacina chinesa Coronavac, cuja eficácia é de 50% e já foi duramente criticada Presidente da República.

De posse do cartão de vacinação com a dose do imunizante de Oxford/AstraZeneza, o presidente afirmou que a mãe – que sofre de Alzheimer e é acompanhada por outra senhora cuidadora – foram enganadas pelo enfermeiro do atendimento de saúde.

“O cara (enfermeiro) foi embora, vacinou minha mãe e foi embora. Duas horas depois, o cara volta lá todo apavorado, vai atrás da casa da minha mãe, chama lá a pessoa que acompanha minha mãe, pega o cartão de vacina dela, que é este aqui e rasga”, relatou. “E, daí, entrega para minha mãe a vacina escrito aqui embaixo ‘Butantan’”, acrescentou.

Indignado, o presidente disse:

“Vamos desmascarar isso aqui agora”, disparou, afirmando que a vacinação de sua mãe teria sido usada pela imprensa para fazer “politicagem”.

Confira o vídeo:

Fonte: JCO

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Faça seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: