‘Alucinado’ Ciro Gomes expõe o racha na esquerda

‘Alucinado’ Ciro Gomes expõe o racha na esquerda

“(…) Lula, com a sua loucura e caudilhismo, está passando de qualquer limite”

Em entrevista publicada na Folha, neste sábado (27), Ciro Gomes falou sobre as estratégias e dificuldades para a campanha eleitoral de 2022.

O pedetista, ex-ministro do governo Lula, afirmou que a solução para derrotar o presidente Jair Bolsonaro é ‘uma amplíssima união de centro-esquerda’.

Ciro disse, também, achar quase impossível uma aliança com o PT, já que considera que Lula jamais abrirá mão do protagonismo dentro do partido, e que esse foi um dos motivos para a escolha de Haddad como pré-candidato, já que ‘não fará sombra a ele, nem hoje nem jamais, ou seja, quer replicar a escolha de Dilma [Roussef]:

“Converso muito com petistas. Lá dentro, tem um grupo que acha que o Lula, com a sua loucura e caudilhismo, está passando de qualquer limite. Faz as coisas sem consultar ninguém, joga só. É o Pelé”, disse.

Segundo Ciro, a estratégia para 2022 deve ser a de ir para o segundo turno contra Jair Bolsonaro e, para isso, primeiro é preciso derrotar o PT no primeiro turno:

“Nesse quadro de hiperfragmentação, quem for contra o Bolsonaro no segundo turno tem tendência de ganhar a eleição. O menos capaz disso é o PT. Por isso, a minha tarefa é necessariamente derrotar o PT no primeiro turno“, disse.

Noutras palavras, a percepção é clara no sentido de que Bolsonaro está garantido no segundo turno.

Assim, Ciro vai centrar sua ruidosa e inescrupulosa artilharia contra o PT.

Moral da história: A esquerda vai sair capenga do primeiro turno.

Conclusão: Se houver segundo turno, Bolsonaro deve vencer com facilidade.

Quem viver verá!

Fonte: JCO

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Faça seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: