Após seis dias de sequestro, jovem é libertado em Mirante da Serra

Após seis dias de sequestro, jovem é libertado em Mirante da Serra

Bandidos pediram R$ 1 milhão de resgate à família.

Um jovem de 25 anos ficou seis dias em cativeiro na Zona Rural de Mirante da Serra (RO). Ele foi libertado na sexta-feira (12) depois que os sequestradores perceberam que a Polícia Civil estava fazendo rondas próximas ao cárcere.

Segundo a Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco), a vítima de extorsão mediante sequestro foi enganada pela organização criminosa e ao marcar um encontro em um aplicativo de relacionamentos foi sequestrada. O jovem estava em cativeiro desde o dia 7 de março sob poder de criminosos fortemente armados.

Os criminosos fizeram contato com a família da vítima e pediram R$ 1 milhão pelo resgate. A família chegou a sacar o valor. O dinheiro deveria ser entregue na Bolívia pelo pai da vítima.

Porém, após seis dias e diligências de alta complexidade tática e operacional, os policiais dizem que os criminosos perceberam que o cárcere seria descoberto. Então libertaram a vítima em uma linha da Zona Rural. Ela foi encontrada com feridas nos pulsos e tornozelos, por ter sido amarrada com cordas e correntes.

Neste sábado (13), a partir das investigações da 1ª Delegacia de Mirante da Serra, a Draco cumpriu dois mandados de prisão temporária e três mandados de busca e apreensão. Foi preso o homem identificado como autor intelectual do crime. Nem todos os envolvidos foram identificados e localizados, por isso as investigações continuam.

Deram apoio operacional o Departamento de Polícia do Interior, Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio de Ji-Paraná e policiais civis da 1ª Delegacia de Mirante da Serra.

Fonte: Rede Amazônia

Faça seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: