Saúde libera 1,5 mil leitos de UTI para covid-19 em 70 municípios

Saúde libera 1,5 mil leitos de UTI para covid-19 em 70 municípios

Após autorizar 1,6 mil vagas para São Paulo, Ministério atende outros 16 estados do Brasil e o Distrito Federal 

O Ministério da Saúde autorizou a criação de mais 1.499 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender exclusivamente pacientes adultos com covid-19 grave, em 70 municípios do Brasil. A decisão foi publicada no Diário Oficial na noite da última sexta-feira (19) e tem caráter temporário e excepcional. 

A verba está autorizada para 16 Estados e o Distrido Federal: Acre, Alagoas, Amapá, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe, Tocantins e o Distrito Federal. O valor do repasse é de R$ 71,9 milhões, retroativo ao mês de março.

De acordo com Boletim Extraordinário do Observatório Covid-19, da Fundação Oswaldo Cruz, das 27 unidades federativas, 24 estados e o Distrito Federal estavam nesta semana com taxas de ocupação de leitos de UTI covid-19 para adultos no Sistema Único de Saúde iguais ou superiores a 80%, sendo 15 com taxas iguais ou superiores a 90%. Em relação às capitais, 25 das 27 estão com taxas iguais ou superiores a 80%, sendo 19 delas superiores a 90%.

O presidente Jair Bolsonaro publicou em sua conta do Twitter que, com essa autorização, o número de leitos liberados pelo Governo Federal é de 2,7 mil, levando em conta os 1.608 já autorizados para o Estado de São Paulo.

Para conseguir o recurso, as secretárias estaduais e municipais de saúde têm de preencher um cadastro no Sistema de Apoio a Implantação de Políticas da Saúde (SAIPS). A liberação do dinheiro seguirá três critérios: curva epidemiológica de casos de covid na região, a estrutura para manutenção e funcionamento da unidade intensiva e corpo clínico para atuação em UTI.

Os números da pandemia têm aumentando nos útimos meses, mas em março a situação se agravou. Brasil atingiu nesta sexta-feira um novo recorde de casos de covid-19 contabilizados em um único dia, ao notificar mais 90.570 infecções, o que eleva a contagem total de contaminados pelo coronavírus no país a 11.871.390, segundo o Ministério da Saúde. 

Também foram registrados nesta sexta 2.815 novos óbitos em decorrência da doença, segunda maior marca para 24 horas até o momento, abaixo apenas do recorde de 2.841 mortes registradas na terça-feira (16). O total de mortes no país atingiu 290.314, de acordo com os dados do governo federal. 

Fonte: R7

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Faça seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: