STF estuda excluir trecho da LSN usado por Bolsonaro

Mas pretende manter artigo que Moraes usou contra Daniel Silveira

A intenção dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) é excluir da Lei de Segurança Nacional (LSN) os trechos utilizados pelo presidente Jair Bolsonaro para investigar opositores e manifestantes ofendem o chefe do Executivo.

Entretanto, o órgão pretende manter o artigo 18, usado na prisão em flagrante do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ).

Segundo adianta a Folha de S.Paulo, “a análise feita em reservado por integrantes da corte é que o governo federal tem dado uma interpretação muito expansiva, principalmente, ao artigo 26, que fixa pena de 1 a 4 anos de prisão para quem caluniar o chefe de um dos Três Poderes”.

Já o artigo usado contra o deputado, que prevê detenção de 2 a 6 anos a quem tentar impedir o livre exercício de qualquer dos Poderes da União ou dos estados, deve ser mantido.

Também, pelo visto, a interpretação elástica dada pela corte, deve continuar prevalecendo.

Simples assim.

Tempos sombrios…

Fonte: Folha de S.Paulo

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Faça seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: