Polícia Federal marca depoimento de Jair Renan para quinta-feira

Polícia Federal marca depoimento de Jair Renan para quinta-feira

Filho do presidente Jair Bolsonaro é suspeito de favorecer empresários em negociações com o governo

A Polícia Federal marcou o depoimento de Jair Renan, filho do presidente Jair Bolsonaro, para quinta-feira (7), em Brasília, de acordo com fontes na PF, Ele é suspeito de receber vantagens indevidas de empresários para influenciar encontros com o governo federal.

Renan deve ser ouvido no começo da tarde na superintendência da corporação no Distrito Federal. O filho do chefe do Executivo já faltou duas vezes a oitiva marcada pela corporação. Em uma delas, a defesa argumentou que ele não poderia comparecer em razão de problemas de saúde.

De acordo com as denúncias, Renan teria utilizado a empresa Bolsonaro Jr Eventos e Mídia para aproximar a mineradora Gramazini Granitos e Mármores Thomazini do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Em troca da articulação, Jair Renan teria recebido um carro elétrico, avaliado em R$ 90 mil. Um mês após ele receber o veículo, os empresários que fizeram o repasse do automóvel se reuniram com Rogério Marinho. O ministro não é investigado no inquérito, mas ele teria estado presente em uma das reuniões com os empresários. 

O encontro teria sido agendado por Jair Fonseca, assessor da Presidência. Jair Renan nega as acusações.

Fonte: R7

Compartilhar

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

%d blogueiros gostam disto: