Perseguição absurda continua e Bolsonaro é indiciado pela Polícia Federal

Foto: Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) decidiu indiciar o ex-presidente Jair Bolsonaro em dois inquéritos: um sobre a venda ilegal de joias no exterior e outro que investiga a falsificação de cartões de vacinação contra a Covid-19.

De acordo com fontes da PF, os relatórios foram concluídos e serão enviados ao STF nos próximos dias, que deve encaminhá-los à Procuradoria-Geral da República (PGR). Além de Bolsonaro, a PF também indiciou outros aliados e auxiliares do ex-presidente, incluindo os advogados Fabio Wajngarten e Frederico Wasseff.

O tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro, também está entre os indiciados. Cid desempenhou um papel crucial nas investigações ao firmar um acordo de delação premiada com a PF.

Segundo informações, mesmo com os pedidos de indiciamento, a Polícia Federal não solicitará a prisão preventiva de Bolsonaro nem dos demais indiciados.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
×

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Canal de denúncias