Nos pênaltis, Argentina bate Equador e vai à semifinal da Copa América

Atual campeã, a Argentina segue viva na defesa do título da Copa América. Na noite desta quinta-feira (4/7), os argentinos tiveram trabalho, mas bateram o Equador nos pênaltis por 4 x 2 após empate por 1 x 1 e se garantiram na semifinal da competição.

Agora, os argentinos aguardam o vencedor do confronto entre Venezuela e Canadá, que jogam nesta sexta-feira (5/7), às 22h (horário de Brasília).

Messi abriu as cobranças. De cavadinha, o ídolo argentino acabou desperdiçando sua penalidade. Mas na primeira chance do Equador, Dibu Martínez salvou a pele de Messi e defendeu a cobrança de Mena. Julian Álvarez bateu e converteu. Martínez brilhou novamente e foi buscar o pênalti de Minda.

Na terceira cobrança argentina, Mac Allister fez 2 x 0. Yeboah mandou no ângulo e diminuiu para o Equador. Montiel marcou 3 x 1. Caicedo manteve os equatorianos vivos. Mas Otamendi decretou a classificação dos argentinos.

No apagar das luzes
A Argentina saiu na frente do placar. Aos 35 minutos do primeiro tempo, os argentinos abriram vantagem, com gol do zagueiro Lisandro Martínez. Porém, os atuais campeões pouco fizeram para aumentar o marcador e passaram a permitir os avanços dos equatorianos.

E aos 17 minutos do segundo tempo, o Equador teve sua grande chance do empate, mas Enner Valencia, jogador do Internacional, cobrou pênalti na trave de Dibu Martínez. A partida seguiu com o Equador buscando o empate a todo custo e os argentinos segurando a vantagem.

Mas nos acréscimos, Kevin Rodriguez completou cobrança de falta de cabeça e levou a decisão para os pênaltis.

Source: Metrópoles
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
×

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Canal de denúncias