Corpo de Bombeiros suspende processo seletivo após denúncia de inexistência de cotas

A suspensão do processo seletivo anunciado pelo Corpo de Bombeiros de Rondônia, para contratação temporária, aconteceu após denúncia feita pelo Grupo de Pesquisa e Intervenção em Direitos Humanos Mapinguari da Unir.

O edital previa a contratação temporária de quatro profissionais, sendo dois analistas em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e dois arquitetos. No processo seletivo também havia previsão de cadastro reserva com 12 vagas para cada função, mas sem destinar vagas para pessoas negras e PCDs.

Para o Grupo de Pesquisa Mapinguari, a ausência de cotas no edital do pricesso seletivo evidência a exclusão que contribuem para a perpetuação de desigualdades.

O Ministério Público de Rondônia recebeu a denúncia e instaurou um procedimento para apurar o caso, mas foi arquivado após ser constatado que o órgão suspendeu o edital para realizar as adequações necessárias e destinar a reserva para cotas conforme manda a lei.

O Corpo de Bombeiros informou  órgão informou que os candidatos serão mantidos informados sobre as próximas etapas do processo seletivo, incluindo a nova data de publicação do edital revisado, já com a adequação.

Source: rondoniagora
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
×

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Canal de denúncias