Seis pessoas são presas por embriaguez na direção em Porto Velho

A ação aconteceu com o apoio da PRF e PM.

Seis pessoas foram presas pela Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal (PRF) por embriaguez ao volante, durante patrulhamento de rotina em Porto Velho. As prisões aconteceram no sábado (29) e domingo (30).

Em um dos casos, um motociclista de 36 anos foi preso, após atropelar um casal que estava em uma bicicleta na Estrada do Belmont, no Bairro Nacional. Ele confessou que estava sob efeito de álcool e recebeu voz de prisão.

Em uma outra abordagem realizada pela PRF, na BR-364, um homem de 27 anos foi preso, após ser flagrado dirigindo um veículo embriagado. Ele fez o teste do bafômetro e apresentou resultado positivo.

Todos os presos foram encaminhados para a Central de Flagrante, onde ficou à disposição da justiça.

Fonte: Rondônia Agora

Governadores de 17 estados e DF acionam o STF para evitar a CPI

Argumento é o de que a CPI não tem competência para convocar autoridades estaduais, investigadas pelas Assembleias Legislativas

Governadores de 17 Estados e do Distrito Federal entraram ontem sexta-feira (28) com uma ação conjunta no STF (Supremo Tribunal Federal) em busca de salvo-conduto para não comparecerem à CPI da Covid no Senado Federal.

O argumento central é o de que a comissão parlamentar não tem competência para convocar autoridades estaduais, que devem ser investigadas pelas Assembleias Legislativas. A ação afirma ainda que a imunidade garantida ao presidente pelo artigo 50 da Constituição se estende aos chefes do Poder Executivo dos Estados e municípios.

“A par da violação ao pacto federativo, cabe destacar que a convocação por CPI de chefe do Poder Executivo – seja ele federal, estadual ou municipal – configura lesão à cláusula pétrea da separação de poderes”, diz um trecho da ação.

Embora apenas nove governadores tenham sido chamados para prestar depoimento até o momento, outros chefes de Executivo se adiantaram a eventuais convocações em uma estratégia para dar mais fôlego à investida. O pedido é para que as oitivas já aprovadas sejam anuladas e que novos requerimentos fiquem proibidos desde já.

“Busca-se não apenas sustar os efeitos do ato concreto impugnado mas impedir, com força vinculante e erga omnes, que o Poder Legislativo faça tais convocações no futuro. O objeto, pois, é encerrar o ciclo de constrangimentos ilegais que os Governadores dos Estados e do Distrito vêm sendo submetidos a cada nova CPI instaurada no Congresso Nacional”, argumentam os governadores.

Dos convocados, apenas o governador de Roraima, Antônio Denarium não assina o documento, mas ainda deve aderir à coalisão.

Veja quem são os governadores:

Wilson Lima (Amazonas)

Ibaneis Rocha (Distrito Federal)

Waldez Góes, (Amapá)

Helder Barbalho (Pará)

Marcos Rocha (Rondônia)

Carlos Moisés (Santa Catarina)

Mauro Carlesse (Tocantins)

Wellington Dias (Piauí)

Rui Costa (Bahia)

Ronaldo Caiado (Goiás)

João Doria (São Paulo)

Renato Casagrande (Espírito Santo)

Paulo Câmara (Pernambuco)

Cláudio Castro (Rio de Janeiro)

Eduardo Leite (Rio Grande do Sul)

Belivaldo Chagas (Sergipe)

Renan Filho (Alagoas)

Flávio Dino (Maranhão)

Fonte; R7

Operação conjunta da PC e PM prendem envolvidos em assassinatos no Orgulho do Madeira em RO

Os assassinatos são das vítimas Matheus Guilherme de Souza Amaral de 18 anos morto em outubro do ano passado e de Marcos Roberto Cerqueira de 29 anos morto em março deste ano.

A Delegacia de Homícidios realizou nesta quinta-feira (20) uma operação para prender os responsáveis por dois assassinatos ocorridos perto do Orgulho do Madeira, em Porto Velho. Os nomes dos presos não foram divulgados.

Durante a manhã, 110 policiais (civis e militares) estiveram no residencial popular para cumprirem sete mandados de busca e apreensão e seis de prisão temporária, através da operação Efésios 5:6.

Segundo a Polícia Civil, a operação é resultado da investigação sobre dois assassinatos ocorridos, onde os corpos foram encontrados nas proximidades do Orgulho do Madeira, onde há um instalado um suposto ‘escritório do crime’.

Os assassinatos em questão são de Matheus Guilherme de Souza Amaral (um jovem de 18 anos golpeado com várias facadas em outubro do ano passado) e de Marcos Roberto Cerqueira (um homem 29 anos morto por asfixia mecânica, enforcado por uma corda, em março de 2021).

Dos seis mandados de prisão expedidos pela justiça na operação Efésios 5:6, a polícia conseguiu cumprir cinco. Com o material também apreendido com os suspeitos, incluindo celulares, a polícia vai seguir com a investigação para saber quem mais pode fazer parte do grupo criminoso.

A polícia informou que todos os cinco presos nesta quinta-feira têm relação com os homicídios, entre eles o mandante dos homicídios.

O 5º Batalhão da Polícia Militar participou da operação em conjunto feito com a Polícia Civil.

Fonte: Assessoria

Ação conjunta da PRF e DNIT fiscalizam mais de 60 veículos nas rodovias

A operação foi realizada no dia do Trabalhador.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em ação conjunta com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), realizou, no último sábado (1º), a Operação Jornada Segura, para fiscalizar motoristas profissionais que transitam nas rodovias federais do estado.

O objetivo da operação era prevenir acidentes de trânsitos relacionados aos veículos de carga, além de intensificar o enfrentamento à criminalidade.

Balanço

Durante a operação realizada no dia do trabalhador, 68 veículos e 150 pessoas foram submetidos à fiscalização detalhada, resultando em:

  • Excesso de peso: mais de 80 toneladas flagrados e regularizados.
  • Multas: 51 autos de infrações de trânsito lavrados em decorrência das irregularidades observadas (principalmente excesso de peso e de jornada de trabalho);
  • Crime: registro de uma ocorrência de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Fonte: PRF

Ação conjunta apreende carregamento com 4 mil eletrônicos em RO

A operação contou com o apoio da PRF, Receita Federal e agentes do Denarc.

Uma operação conjunta da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Receita Federal do Brasil (RFB) e o Departamento de Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil, apreendeu um carregamento com 4 mil unidades de eletrônicos. O flagrante aconteceu em Porto Velho, durante fiscalização na BR-364.

Segundo informações da PRF, o material estava acondicionado em diversas caixas escondidas no compartimento de cargas de um caminhão e não possuía documento fiscal de entrada no país, caracterizando o crime de descaminho, em transporte de produtos eletrônicos importados de maneiro irregular.

Fonte: Rondônia Agora

Ação da PC e PM apreendem cerca de 30 quilos de cocaína em São Francisco do Guaporé

Suspeitos foram presos.

Na manhã desta quarta-feira (24), a operação integrada realizada pela Polícia Civil com apoio da Polícia Militar, no combate ao tráfico de droga em São Francisco do Guaporé, prederam Genival S. T., 54 anos, e Uedson G. S., 34 anos, durante uma ação comandada pelo delegado Henrique Mendonça Bittencourt.

De acordo com a Polícia, os criminosos usavam dois veículos para o transporte da droga. Um Fiat Siena usado como táxi dava cobertura, enquanto um caminhão boiadeiro transportava a droga.

Durante a abordagem, os policiais apreenderam 33 tabletes de cocaína pasta base, pesando aproximadamente 30 kg.

Segundo o delegado, a apreensão gerou um prejuízo de aproximadamente R$ 900 mil ao crime organizado. Os dois veículos usados por eles foram apreendidos.

Os dois receberam voz de prisão, e foram encaminhados para o presídio estadual, onde ficarão à disposição da justiça.

Estado e Município se unem em nova ação para atender pessoas com sintomas da Covid em RO

A nova ação está programada para amanhã sexta-feira (12), e vai oferecer testagem, consulta médica e medicamentos.

As unidades estarão preparadas para atender até 1.200 pacientes
As unidades estarão preparadas para atender até 1.200 pacientes

A Prefeitura de Porto Velho e o Governo do Estado realizam, na próxima sexta-feira (12), uma ação conjunta para oferecer testagem, consulta médica e medicamentos para pessoas com sintomas da Covid-19. A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) estará com capacidade ampliada para atender nas unidades básicas de saúde.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) fará o atendimento no formato “drive thru” no estacionamento do Palácio Rio Madeira, no bairro Pedrinhas.

As unidades selecionadas pelo município para a força-tarefa estarão preparadas para atender até 1.200 pacientes com horário marcado pelo “call center”.

AGENDAMENTO

Pessoas com sintomas da Covid-19 devem agendar atendimento pelo telefone 0800 647 5225. As consultas serão agendadas para o mesmo dia em uma unidade de saúde mais próxima da residência do paciente. Serão oferecidos a testagem para detecção do coronavírus, consulta médica e fornecido o medicamento mediante prescrição.

A ampliação da oferta de vagas nas unidades de saúde de Porto Velho busca atender a população sintomática de locais mais afastados e que não possui condições ou veículo para participar da ação no formato “drive thru”. A parceria entre Estado e Município foi firmada para que todas as regiões sejam cobertas e assistidas.

Além das unidades de saúde que farão os atendimentos no período da tarde, o Centro de Referência no Atendimento aos casos de Covid-19 “Manoel Amorim de Matos” também será envolvido na força tarefa durante todo o dia. A equipe de funcionários será reforçada para atender os casos encaminhados no período da manhã, durante o “drive thru”.

Fonte: Comdecom



Dupla é presa com mais de 30 KG de drogas durante ação conjunta da polícia em cacoal

Ação conjunta foi cumprida pela PC e PM.

Na manhã desta quinta-feira (11), policiais da 1ª Delegacia de Polícia de Presidente Médici em conjunto com a Polícia Militar de Cacoal, desencadearam a operação em combate ao crime de tráfico de drogas. Na ação, Walesson.S.S., 28 anos e Jedson.P.C., 33 anos foram presos com 32 quilos de maconha.

De acordo com a Polícia, Walesson e Jedson vinham sendo investigados e, diante das informações apuradas, o delegado Henrique Mendonça organizou a operação para prendê-los em flagrante.

Os policiais realizaram uma campana, e na abordagem, encontraram 32 kg de maconha, R$ 2.400 e duas balanças de precisão, escondidos no veículo e em um matagal.

A dupla recebeu voz de prisão e foi encaminhada para o sistema prisional, onde ficarão à disposição da justiça.

PRF e Sefin identificam mais de R$ 700 mil em joia durante ação conjunta em Vilhena

A ocorrência foi registrada nesta quarta-feira (27).

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Vilhena, em operação com a Secretaria Estadual de Finanças de Rondônia (SEFIN/RO) na BR 364, constatou um carregamento de mercadorias confeccionadas em ouro, transportadas em um veículo de passeio, em situação característica de fraude fiscal.

O condutor do automóvel disse ser representante comercial no ramo de joias e trazia os documentos que comprovavam a origem do produto, porém, ludibriou a passagem nos postos alfandegários estaduais do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Rondônia. A ocorrência foi registrada nesta quarta-feira (27).

No total, 02 mostruários com colares de ouro e mais 03 caixas com divisórias contendo itens menores (brincos, pingentes e anéis), avaliados em R$ 731.676,34 (setecentos e trinta e um mil seiscentos e setenta e seis reais e trinta e quatro centavos) foram identificados e encaminhados à SEFIN/RO. O proprietário das joias responderá por crime de sonegação fiscal.

Covid-19: Governo Estadual anuncia ação em comunidades indígenas e ribeirinhas

A ação conta com a parceria da Associação de Doutores da Amazônia.

O Governo anuncia, durante coletiva de imprensa nesta segunda-feira manhã (19) no Palácio Rio Madeira, a 19ª Missão da Unidade de Saúde Social Fluvial Walter Bártolo, barco hospital fixado em Guajará-Mirim, que ocorrerá de 20 a 31 de outubro de 2020, em parceria com a Associação Doutores da Amazônia.

A força-tarefa contemplará diversos atendimentos e testagem para diagnóstico da Covid-19 que serão realizados por mais de 48 profissionais de saúde.

Na ação foram disponibilizados profissionais da área médica pela Associação Doutores da Amazônia, Governo do Estado e Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) do Governo Federal.  A ação ocorrerá em áreas indígenas, devidamente autorizados pela Fundação Nacional do Índio (Funai) e comunidades ribeirinhas dos rios Mamoré e Guaporé, dando destaque, as comunidades de Deolinda, Barranquilha, Sotério, Baia das Onças, Ricardo Franco (Rio Mamoré) e Surpresa (Mamoré e Guaporé, encontro entre os dois rios).

Algumas regiões serão necessárias a utilização de lanchas para deslocamento, uma vez que, pela baixa do rio, o barco hospital não consegue chegar à localidade.

De acordo com Caio Eduardo Machado, presidente da Associação Doutores da Amazônia, o avanço da pandemia às comunidade isoladas da região motivou a realização da força-tarefa, que graças apoio das entidades, será possível a efetivação.

Seguindo todos os protocolos do Ministério da Saúde, por meio da Secretaria Especial da Saúde Indígena (Sesai), foram realizados testagem em todos os profissionais de saúde que farão os atendimentos a fim de não levar contaminações.

Associação Doutores da Amazônia é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, sem nenhum vínculo político partidário, que atua há seis anos na área do baixo madeira e há quatro anos em terras indígenas. Nesta missão, a associação doarão alimentos e mais de 15 mil itens de limpeza e higiene pessoal para prevenção da Covid-19, como álcool em gel, sabão, máscara, escova de dente. Além disso haverá doação de óculos para aqueles indicados pelo oftalmologista, ou seja, o paciente que apresente necessidade já sairá com armação.

A força-tarefa contará também com a parceria da Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater) que doará mais de duas mil máscaras de tecido para serem distribuídas. Ademais, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) dorá 600 cestas básicas para às comunidades.

O barco hospital é a maior ação fluvial da região Norte que proporciona assistência médica à comunidades ribeirinhas e indígenas, dessa vez, focará no enfrentamento à pandemia da Covid-19

Conforme o secretário estadual de saúde, Fernando Máximo, serão cinco mil atendimentos nesses 12 dias. “É momento de muita alegria para a gente. Essa parceria que veio proporcionar saúde e ajudar nossa população que tem mais dificuldade de assistência, em especial nesta época de pandemia. Agradeço aos doutores da Amazônia, bem como todos os apoiadores, pelo trabalho voluntariado brilhante”, descreve.

Conforme mencionado pela assessoria, a missão do barco hospital é a maior ação fluvial da região Norte já realizada que proporciona atendimento com profissionais e especialistas médicos, tais como: clínica médica, psiquiatria, medicina de família e comunidade, pediatria, ginecologia ou obstetrícia, oftalmologia, além de odontólogos, farmacêuticos, biomédicos, enfermeiros e outros profissionais apoiadores.

Essa ação tem parceiros como, Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI), Casa de Apoio a Saúde do Indio (Casai), Fundação Nacional do Indício (Funai), Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão Desenvolvimento (Sepog), Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater) e o apoio do deputado estadual Dr. Neidson, que ajudou com a emenda de 25 mil reais para auxiliar os custeios do projeto.

Fonte: Secom-RO