Israel diz não ter cronograma para encerrar ataques em Gaza

Militares israelenses e combatentes do Hamas fizeram novos ataques

Autoridades de Israel disseram hoje (19) que não há um cronograma para o fim dos ataques contra militantes palestinos em Gaza. Militares israelenses fizeram novos bombardeios aéreos, enquanto combatentes do Hamas dispararam mais foguetes por meio da fronteira.

Autoridades médicas palestinas disseram que 219 pessoas foram mortas em dez dias de ataques aéreos, que destruíram ruas, edifícios e outros elementos da infraestrutura e pioraram a situação humanitária já severa em Gaza.

O governo israelense estima em 12 o número de mortos no país, onde ataques de foguetes recorrentes causam pânico e fazem as pessoas fugir para abrigos. Esforços regionais e também liderados pelos Estados Unidos para a obtenção de um cessar-fogo se intensificam, mas até agora não tiveram sucesso.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, não mencionou nenhuma interrupção dos combates, em comentários públicos feitos durante uma reunião com embaixadores estrangeiros. Disse que seu país está engajado em uma convencimento vigoroso para evitar conflitos futuros com o Hamas.

Em comentários de uma sessão fechada de perguntas e respostas citados pela mídia israelense, ele disse: “Não estamos parados com um cronômetro. Queremos alcançar os objetivos da operação. Operações anteriores duraram muito tempo, então não é possível estabelecer um cronograma”.

Em um ataque de 25 minutos de madrugada, Israel bombardeou alvos como túneis que seus militares disseram existir no sul da Faixa de Gaza e ser usados pelo Hamas, o grupo islâmico que governa o território.

Cerca de 50 foguetes foram disparados de lá, segundo os militares israelenses, e sirenes foram acionadas na cidade litorânea de Ashdod, ao sul de Tel Aviv, e em áreas mais próximas da fronteira de Gaza. Não surgiram relatos de ferimentos ou danos de madrugada, mas dias de disparos de foguetes perturbam muito os israelenses.

Quase 450 edifícios de Gaza, densamente povoada, foram destruídos ou seriamente danificados, incluindo seis hospitais e nove centros de atendimento de saúde primários. Cinquenta e dois mil palestinos foram deslocados, de acordo com a agência humanitária da Organização das Nações Unidas (ONU).

As hostilidades são as piores em anos entre o Hamas e Israel e, à diferença de conflitos prévios em Gaza, ajudam a incitar episódios de violência entre judeus e árabes nas ruas de cidades israelenses.

* Reportagem adicional de Ari Rabinovitch

Fonte: Agência Brasil

Tarifa zero no transporte coletivo se encerra neste domingo (9) em Porto Velho

Na próxima segunda-feira (10), usuários deveram pagar a tarifa no valor de R$1 e somente para quem utilizar o cartão COM Card.

No próximo domingo (9), encerra o prazo de gratuidade da tarifa no transporte coletivo em Porto Velho. A partir de segunda-feira (10), até o dia 9 de agosto 2021, a passagem custará R$ 1. A tarifa valerá somente para pagamentos feitos com o cartão COM Card.

Se o usuário fizer o pagamento em espécie, a passagem custará R$4,05. A tarifa subsidiada pela Prefeitura está em vigor desde o dia 10 de abril. Nesta data, o prefeito Hildon Chaves, por meio do Decreto nº 17.241/2021, regulamentou a Lei nº2.797 de 6 de abril de 2021 e estabeleceu novos valores para passagens do transporte coletivo.

Conforme o documento, o período da tarifa zero, que iniciou em de 10 de abril, encerra domingo (9). Do dia 10 de maio a 9 de agosto, o valor será de R$ 1. De 10 de agosto a 9 de novembro, a tarifa será de R$ 2 e de 10 de novembro a 31 de dezembro, o valor será de R$ 3.

Ainda de acordo com o decreto assinado pelo prefeito, a partir de 1º de janeiro de 2022, “aplica-se o disposto no Decreto nº 16.958, de 7 de outubro de 2020, que estabelece a tarifa do serviço essencial de Transporte Coletivo por Ônibus no perímetro urbano de Porto Velho no valor de R$ 4,05”.

De acordo com a Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), de 20 a 30 de abril, 131.981 mil pessoas utilizaram o sistema de transporte com a tarifa zero nos 35 ônibus das 21 linhas existentes. Isto significa que, em média, 13 mil pessoas foram transportadas diariamente.

“É importante que todos os usuários tenham o cartão COM Card para usufruir dos direitos que são colocados à disposição, do contrário terão que pagar a tarifa normal de R$4,05”, conta Ronaldo Flores, secretário da Semtran.

Para adquirir o cartão COM Card, o cidadão deve comparecer no Auditório da Emater, localizado na avenida Farquar, nº 3055, no bairro Panair, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e no sábado, das 8h às 12h.

Para obter o cartão é necessário apresentar o RG, CPF e comprovante de residência. Estudantes, idosos e pessoas com necessidades especiais devem apresentar o documento comprobatório da situação de cada um.

Fonte: Comdecom

Operações de fiscalização no enfrentamento à Covid-19 registram mais de 3 mil intervenções em Porto Velho

De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança, as operações totalizaram 3.073 intervenções no Estado.

A Secretaria de Estado de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), sob a coordenação do Corpo de Bombeiros Militar, encerrou a “Operação Restrição” no último sábado (27). Ao final desta, Porto Velho contabiliza cinco operações ocorridas desde 2020, empenhadas em atuar fortemente no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus, que totalizaram 3.073 intervenções na capital, uma média de 35 efetivos ao dia, cerca de 13 viaturas envolvidas por noite, 1.952 estabelecimentos visitados, onde 1.413 não estavam em funcionamento e obedeciam aos respectivos decretos, mas 157 acabaram notificados. Além de 69 Termos Circunstanciados de Ocorrências (TCO) aplicados, 89 estabelecimentos precisaram ser interditados, 23 grupos foram flagrados aglomerados pela fiscalização, 108 orientados a seguirem as regras básicas de saúde, entre outros.

As operações receberam nome específico referente à fase de cada decreto estadual, “Operação Fase 3”, “3ª Onda”, “Decreto”, “Consciência”, e “Restrição”. O ciclo dessas operações iniciou em dezembro de 2020, aumentando a intensidade das ações, envolvendo profissionais da inteligência, militares e civis, órgãos da Saúde e fiscalizadores municipal e estadual.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel BM Gilvander Gregório de Lima, explica que dentre todas as operações a que mais surpreendeu foi a “3ª Onda”. “Esta foi uma operação pré-Natal, realmente ali a gente conseguiu fazer com que a população ficasse alerta, porque estava naquele momento acontecendo muitas aglomerações no comércio, além de festas, e vimos a importância dessa conscientização, porque se algo não tivesse sido feito naquele momento certamente teríamos o número de mortos muito maior. Foi uma operação que fizemos um esforço sobre-humano para que antes do natal reforçássemos esse alerta”, diz o comandante.

O comandante do CBM afirma ainda, que mesmo diante de resultados positivos quanto ao reforço do policiamento e a patrulha da Covid-19 nas ruas, as operações preventivas devem continuar, pois o objetivo é conscientizar as pessoas quanto ao efeito negativo causado pelas aglomerações, contribuindo com a proliferação do coronavírus, sufocando consequentemente as unidades hospitalares.

PRÓXIMA FISCALIZAÇÃO

A mais nova fiscalização promete ser ainda mais incisiva. A 6ª edição será nomeada de “Operação Alerta”, baseada no novo decreto, de forma mais ampliada, ela passa ainda por ajustes para obedecer todas as diretrizes do decreto atual.

“Vamos dobrar os meios para fazer a operações tanto de dia como também a noite, para fazer essa conscientização de uma parcela da sociedade que não acredita no coronavírus e não tem noção da realidade que acontecem nos bastidores das redes de saúde do estado e município além das unidades particulares”, afirma o coronel Gilvander Gregório de Lima.

Fonte: Sesdec

Contribuintes de Porto Velho tem até amanhã para o pagamento do IPTU e TRSD com desconto de 20%

A impressão do boleto e pagamento podem ser feita no site da Semafaz.

Termina nesta sexta-feira o prazo para o pagamento do Imposto Territorial Urbano (IPTU) e Taxa de Resíduos Sólidos (TRSD) com desconto de 20%. A Prefeitura de Porto Velho orienta aos contribuintes que desejam aproveitar o desconto para que utilizem a internet ou os postos de atendimento para obtenção dos boletos em casos de não recebimento do documento de cobrança.

Após o dia 29, o desconto para o pagamento em cota única cai para 10% com validade até o dia 26 de fevereiro. O IPTU também pode ser parcelado. A impressão do boleto, assim como a forma de pagamento, pode ser definida no portal da Secretaria Municipal de Fazenda (Semafaz), no http://www.semfazonline.com.

Já o atendimento presencial nesta quinta (28) e na sexta feira (29) acontece das 8h às 18h, em todos os pontos de atendimento disponibilizados: na Praça CEU, na Zona Leste; na Biblioteca Viveiro das Letras, na Av. Jatuarana; além da sede da Semfaz, na Av. Sete de Setembro, 744, Centro. Lembrando que o uso de máscara é obrigatório.

Fonte: Comdecom

Fiscais orientam estabelecimentos comerciais ao horário de funcionamento para evitar aglomerações em RO

A operação determina que comércios encerrem suas atividades até às 20h, para evitar circulação de pessoas nas ruas.

Mais uma ação da “Operação Decreto”, para colocar em prática o cumprimento do Decreto nº 25.728 em estabelecimentos de gêneros alimentícios (supermercados e hipermercados), além de bares e comércio em geral. O intuito é evitar a circulação de pessoas nas ruas, cumprindo, assim, normas sanitárias do horário de funcionamento até às 20h, para evitar aglomerações.

Na quarta noite da Operação, 29 estabelecimentos foram abordados pelas equipes de fiscalização e orientados ao encerramento de suas atividades, 14 comércios receberam procedimentos administrativos feitos pela Policia Militar de Rondônia (PMRO), pelo descumprimento de normas sanitárias previstas no decreto vigente, além de lavrados sete termos circunstanciados de ocorrência (TCO).

A Operação é uma iniciativa do Governo de Rondônia, coordenada pela Secretaria de Estado de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec) e executada pelo Corpo de Bombeiros Militar (CBM), em parceria com demais órgãos de fiscalização do Estado e Município de Porto Velho. As equipes seguem o cronograma de fiscalização, onde três grupos se dividem, somando cerca de 39 efetivos, atuantes durante a ronda realizada no centro, zona norte e zona sul de Porto Velho.

A concentração de pessoas nos estabelecimentos comerciais fora do horário estipulado em decreto é considerada crime contra a Saúde Pública e pode gerar penalidades. A orientação do comandante do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Gilvander Gregório de Lima, é controlar a entrada nos mercados e estabelecimentos comerciais para atender o estabelecido.

As operações em conjunto devem continuar durante a vigência do decreto. Denúncias de descumprimento do Isolamento Social Restritivo podem ser feitas através dos números 190, 193 e 197.

Fonte: Secom-RO

Donald Trump faz último discurso antes de deixar a presidência

Republicano encerra o mandato nesta quarta-feira (20) e não participará da cerimônia de posse de Joe Biden

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deixou a Casa Branca na manhã desta quarta-feira (20) e, antes de embarcar rumo à Flórida, fez seu último discurso na Base Aérea Andrews, onde falou para apoiadores.

O republicano começou dizendo que foram quatro anos incríveis e agradeceu a toda a equipe que trabalhou com ele. Melania Trump fez uma breve participação dizendo ter sido a maior honra ser a primeira-dama.

Trump culpou a pandemia por não ter alcançado números melhores em seu mandato. “Há elementos da nossa economia que são um foguete decolando. Somos o maior país do mundo, a maior economia do mundo e, a despeito da pandemia, conseguimos lidar com a economia”, afirmou.

Em sua fala, destacou a agilidade dos EUA para produzir vacinas contra a covid-19. “A vacina foi um milagre da medicina, foi desenvolvida em 9 meses, e não em 9 anos, e conseguimos duas vacinas, o que é uma grande conquista”.

O republicano ainda chamou o novo coronavírus de “vírus chinês” e de “a pior praga desde 1917” e disse sentir muito pelas vítimas da doença. 

Em meio aos gritos de “Estados Unidos” de seus apoiadores, desejou sorte ao novo governo do democrata Joe Biden. 

“Estaremos de volta de alguma forma. Desejos a todos uma ótima vida e até breve”, disse Trump antes de embarcar no Air Force 1 pela última vez. 

Fonte: R7

Inscrições do 5º Concurso do Concafé, se encerram nesta sexta-feira em RO

Rondônia é o 5° maior produtor de café do Brasil e deve produzir em torno de 2,3 milhões de sacas de 60 kg de café nesta 2020

As inscrições do 5º Concurso de Qualidade e Sustentabilidade do Café de Rondônia (Concafé), considerado o maior concurso de café robusta do Brasil, encerram nesta sexta-feira (21). O cafeicultor que ainda não fez a inscrição ou que não entregou as documentações necessárias, tem até o final do dia para entregar e concorrer aos prêmios do concurso que somam quase R$ 300 mil.

A ficha de inscrições e o conteúdo completo do regulamento do 5º Concafé estão disponíveis no site da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri) e também nos escritórios da Entidade de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) nos 52 municípios de Rondônia.

A abertura das inscrições iniciou no dia 27 de abril, foram quatro meses de divulgação e de oportunidade para o produtor participar. A cerimônia de premiação está prevista para acontecer em outubro de 2020, com local a ser definido pela organização.

De acordo com o coordenador do concurso, Janderson Dalazen, o Concafé visa valorizar o trabalho dos produtores de café, além de mostrar o potencial da cafeicultura do Estado, cultura que tem avançado e colocado Rondônia no topo nacional como um dos maiores produtores de café do país. “Hoje Rondônia é o 5° maior produtor de café do Brasil e deve produzir em torno de 2,3 milhões de sacas de 60 kg de café nesta 2020. Para o próximo ano, a produção poderá duplicar e o Concafé tem o intuito de incentivar os produtores a continuar com o cultivo do café no estado”, ressaltou.

O Concafé é uma realização do Governo do Estado de Rondônia, coordenado pela Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), Emater, Agência de Defesa Sanitária Agrossilvopastoril (Idaron), com apoio da Câmara Setorial do Café, Associação dos Cafeicultores da Região das Matas de Rondônia (Caferon), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Rondônia (Faperon) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

Carreta de Prêmios

A carreta de prêmios do Concafé percorreu 16 municípios em cinco dias de divulgação

Com o objetivo de divulgar e demonstrar a magnitude do 5º Concafé criado para valorizar o café de Rondônia, o Governo do Estado, por meio da Seagri e Emater Rondônia, disponibilizou uma carreta contendo os prêmios que serão distribuídos durante a quinta edição do concurso, no valor de R$ 289 mil, para percorrer os municípios do Estado. Foram cinco dias de divulgação intensa em 16 municípios.

O primeiro ganhador da categoria “Qualidade de Bebida” será contemplado com um trator Cafeeiro, no valor de R$ 136 mil. Para o 2º lugar R$ 30 mil em dinheiro e crédito; 3º lugar R$ 15 mil em crédito e 4º lugar: R$ 10 mil em crédito e uma secadora de café, no valor de R$ 98 mil para o cafeicultor ganhador da categoria “Sustentabilidade”.

Fonte: Seagri