Beneficiários do Bolsa Família recebem hoje, 21/06

O pagamento da 3ª parcela é para os cadastrados com NIS final 3

A Caixa paga a terceira parcela do auxílio emergencial 2021 para os beneficiários que fazem parte do Bolsa Família com número do NIS (Número de Identificação Social) final em 3, nesta segunda-feira (21).

O recebimento do auxílio emergencial é realizado da mesma forma e nas mesmas datas do benefício regular para quem recebe o Bolsa Família. Para quem recebe por meio da Poupança Social Digital, os recursos podem ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem e na rede lotérica de todo o Brasil, ou sacados por meio do Cartão Bolsa Família ou Cartão Cidadão.

Calendário do Bolsa Família 2021
Calendário do Bolsa Família 2021

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo governo federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro de 2020 em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Neste ano, a nova rodada de pagamentos, durante quatro meses, prevê parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

Fonte: Agência Brasil

Casal fica preso às ferragens em acidente com caminhão de madeira e morre

O trágico acidente ocorreu no município de Machadinho do Oeste. O motorista do caminhão não foi encontrado no local do acidente.

Um trágico acidente envolvendo um caminhão carregado de toras e um carro de passeio, tirou a vida de três pessoas da mesma família na noite de quarta-feira (16), na linha MA 28, no município de Machadinho do Oeste.

O caminhão e o carro colidiram frontalmente e o veículo menor foi arrastado por cerca de 10 metros, até um barranco.

De acordo com informações repassadas à Polícia, Wallas de Souza Gomes, 26 anos, dirigia o carro e tinha como passageiras sua esposa Tatiane de Lima Fernandes, 26 anos e a filha Emily Vitória Fernandes Gomes, 6 anos.

O carro em que as vítimas estavam ficou totalmente destruído. O casal morreu preso às ferragens. A criança ainda foi retirada com vida e socorrida pelo Samu, mas não resistiu e morreu ao dar entrada no Hospital Municipal de Machadinho.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros trabalhou durante toda a madrugada utilizando equipamentos para cortar partes do veículo e retirar as vítimas do interior do carro.

O motorista do caminhão não foi encontrado no local do acidente.

Fonte: Assessoria

Bolsonaro surpreende família na beira da estrada e mulher cai no choro emocionada (veja o vídeo)

Quando alguém nesse lugar fez algo parecido?

O presidente Jair Bolsonaro surpreendeu uma família catarinense que esperava para poder demonstrar seu apoio.

A família, aguardando a passagem da comitiva com bandeiras, ficou emocionada quando o presidente resolveu quebrar o protocolo e descer do carro para cumprimenta-los.

A interação foi rápida, mas Bolsonaro fez questão de retribuir o carinho demonstrado pela família, apertando mãos e tirando fotos.

Quando outro presidente da República fez algo parecido?

Emocionante!

Confira:

Fonte: JCO

A “Enquete do K” é muito mais eficaz, eficiente e verdadeira que o novo instituto da família “Ibope”

.

Eles afirmam que 61% não confiam em Bolsonaro, apenas 36% confiam

Diga-me, por favor: Você acredita nos institutos de pesquisas?

Viu aquela que o Senador Kajuru compartilhou nas redes sociais?

Ela é do IPEC, antigo IBOPE.

O Instituto disse que Bolsonaro é reprovado por 58% dos brasileiros. Apenas 38% aprovam. Eles afirmam que 61% não confiam em Bolsonaro, apenas 36% confiam.

Pois é, o Senador Kajuru compartilhou a reportagem sendo taxativo: não conheço esse Instituto e não confio na família Ibope.

Oras bolas! Em quem Kajuru acredita?

Dono de grande influência nas redes sociais, o senador, criou seu próprio sistema de ‘pesquisa’ e batizou com o nome de ENQUETE DO K.

Sempre que surgem dúvidas, Kajuru abre a enquete e conversa com gente de todo país.

Enquanto os institutos tiram suas bases em pouco mais de dois mil entrevistados, a famosa ENQUETE DO K alcança milhares de pessoas de norte a sul, com detalhe importante: quem vota é a própria pessoa e o resultado sai na hora.

Não é misterioso como os institutos que surgem com o resultado mas, não aparece ninguém que confirma a entrevista.

Vamos a algumas ENQUETE DO K.

Estarreça-se!

94%, num total de 29 mil votos é contra Alcolumbre a frente do CCJ, mesmo assim, adivinha o que aconteceu? Alcolumbre, se tornou presidente.

Quando perguntou sobre o caso Crivela, aparentemente, Kajuru se surpreendeu.

“Crivela é inocente ou não”? Essa foi a pergunta.

51%, dos mais de oito mil votantes, disse que “Sim”. Ou seja, apesar de apertado resultado, os eleitores acreditam na inocência do ex-prefeito.

Porém, quando saiu a pesquisa do “Paraná pesquisas” publicada na Veja, afirmando que 57% dos brasileiros acreditavam que as acusações contra Lula eram justas Kajuru deu um bugue: Vocês concordam? Questionou ele. Então quer dizer que 43% dos brasileiros acreditam na inocência de Lula?

Gente, é quase a metade.

Nesse instante surgiu mais uma Enquete do K.

Resultado: 90% dos 20 mil votos, disseram que as condenações contra Lula eram justas.

EU DISSE: 90% de 20 mil votos, contra 2264 entrevistados pela Pesquisa Paraná.

Na minha Rondônia essa diferença é chamada de: Lavada.

Quando Daniel Silveira foi preso, novamente a ENQUETE DO K entrou em ação.

Ao ser preso, as redes sociais nem falaram: gritaram.

O povo, totalmente contra a arbitrariedade do STF.

Após a decisão da Câmara que destruiu a vontade do povo, Kajuru perguntou:

A decisão dos deputados foi por rabo preso com o Supremo ou não?

83%, num total de 58 mil votos disseram que sim.

Diante de um quadro desse os deputados não deveriam se preocupar?

Outra enquete que destrinchou a vontade dos brasileiros foi o pedido de impeachment contra Alexandre de Moraes.

Se você estiver em pé, SENTA PRA NÃO CAIR: 94% de 109 mil votos a favor do impeachment.

EU DISSE: 109 MIL VOTOS.

Pergunto: alguém tem dúvida desse resultado?

O senador Rodrigo Pacheco vai respeitar ou não a vontade dos brasileiros?

Talvez tenha outro politico que use enquete, mas não com tanta expressão e continuidade como Kajuru. Inteligentemente, através desse meio mantém a direção vinda dos cidadãos e ainda demonstra aos seus companheiros parlamentares o que o povo deseja.

Assim, cumpre o mandato dentro do princípio que dispõe a democracia.

Apesar de que, a maioria dos políticos, parece não se importar com o resultado, mesmo que seja estrondoso.

Foto de Josinelio Muniz

Po Josinelio Muniz*

* Josinelio é Formado em Teologia pela Faculdade Teológica Logos (FAETEL), matéria em que leciona na Comunidade Internacional da Paz – Porto Velho, RO. Bacharel em Direito pela (UNIRON) e Docente Superior pela (UNINTER).

Criminosos fazem família de refém na zona leste de Porto Velho

O caso aconteceu no bairro planalto.

Uma família ficou refém de criminosos desde a noite de terça-feira (12) até o amanhecer desta quarta-feira (13), em uma residência localizada na Rua Rui Barbosa, Bairro Planalto, Zona Leste de Porto Velho.

Os assaltantes estavam armados e invadiram a casa, por volta das 22 horas.

Os moradores foram ameaçados de morte e logo em seguida amarrados, ficando sob a mira de parte dos criminosos, enquanto a outra parte do bando levava uma caminhonete S10 e um veículo modelo Ford Ka.

Apenas na manhã desta quarta-feira que o restante dos criminosos fugiu, depois que o outro bando já havia atravessado o veículo para a Bolívia.

Após a fuga, a PM foi acionada e foi ao local registrar a ocorrência.

Fonte: Rondônia Agora

Deficiente visual leva facada de cunhado durante briga em reunião de família

Vítima teria tentado defender a irmã de agressões do cunhado. Homem foi levado ao hospital de Ariquemes.

Um homem de 29 anos, que segundo a Polícia Militar é cego, levou uma facada no pescoço na última sexta-feira (25) durante uma briga com um cunhado. O caso aconteceu em Cacaulândia (RO).

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima contou que estava com a família na casa do cunhado quando se iniciou uma discussão entre o suspeito e uma irmã da vítima, que também tem deficiência visual.

Para defender a irmã, o homem de 29 anos deu início a uma luta corporal com o cunhado, que estava com um canivete em mãos. Familiares conseguiram retirar o canivete das mãos do suspeito, mas ele se armou com uma faca de cozinha e ameaçou a vítima de morte, chegando a atingir a lateral do pescoço do cunhado.

Nesse momento, familiares saíram para buscar socorro e a polícia foi acionada. Quando os agentes chegaram no local, testemunhas seguravam o agressor e outras socorriam a vítima ao pronto socorro.

O suspeito recebeu voz de prisão, tentou agredir um policial e foi imobilizado e algemado. A vítima foi encaminhada ao município de Ariquemes (RO) devido os ferimentos.

Fonte: G1/RO

Jovem morre afogado em balneário de Porto Velho

Afogamento foi em um balneário, enquanto jovem estava com a família. Vítima foi identificada como Anderson Barbosa.

Anderson Santos Barbosa morreu após se afogar em balneário

Um jovem de 23 anos, identificado como Anderson Santos Barbosa, morreu afogado enquanto tomava banho em um balneário de Porto Velho.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, Anderson desapareceu nas águas do balneário Jalapão, no domingo (2), mas o corpo dele só foi localizado nesta segunda-feira (3).

Uma prima de Anderson contou que a vítima foi ao balneário junto com a família. Em determinado momento o jovem entrou na água e começou a nadar, mas nesse momento o rapaz teria tido uma câimbra e se afogou.

Populares e a equipe de salva-vidas do balneário entraram na água no mesmo instante para tentar salvar o jovem, mas Anderson desapareceu.

O Corpo de Bombeiros foi chamado ao local, mas devido ao anoitecer, as buscas foram suspensas e retomadas apenas nesta segunda-feira. O corpo foi localizado durante a manhã e entregue ao Instituto Médico Legal (IML), que fará um laudo.

O balneário Jalapão, local onde aconteceu o acidente, divulgou nota de pesar e se solidarizou com a família de Anderson. A empresa disse que no momento do afogamento o serviço de salva-vidas estava à disposição para tentar encontrar o jovem, mas não foi possível.

Fonte: Rede Amazônica

Wassef afirma que havia um plano traçado para assassinar Queiroz e botar a culpa na família Bolsonaro

Em entrevista divulgada hoje pela Revista Veja, o advogado Frederick Wassef explicou os motivos pelo qual Fabricio Queiroz estava em sua residência em Atibaia – SP.

Segundo Wassef, a ajuda dada a Queiroz foi um ato “humanitário”, na medida em que o mesmo estava tratando uma doença e precisava de um lugar para ficar.

Além disso, o causídico afirmou que o ex-assessor de Flávio Bolsonaro estava jurado de morte no Rio.

“Passei a ter informações de que Fabrício Queiroz seria assassinado. O que estou falando aqui é absolutamente real. Eu tinha a minha mais absoluta convicção de que ele seria executado no Rio de Janeiro. Além de terem chegado a mim essas informações, eu tive certeza absoluta de que quem estivesse por trás desse homicídio, dessa execução, iria colocar isso na conta da família Bolsonaro”, disse Wassef.

E prosseguiu:

“Havia um plano traçado para assassinar Fabrício Queiroz e dizer que foi a família Bolsonaro que o matou em uma suposta queima de arquivo para evitar uma delação.”

Indagado sobre quem teria interesse em assassinar Fabrício Queiroz, Wassef garatiu ter “informações procedentes”.

“Eu tive informações absolutamente procedentes e formei a minha convicção de que iriam matar Queiroz e iriam colocar a culpa no presidente Bolsonaro para fazer um inferno da vida dele. Na verdade, seria uma fraude. Algo parecido com o que tentaram fazer no caso Marielle, com aquela história do porteiro que mentiu.”

Fonte: Revista Veja

PF mira hackers que acessaram dados pessoais da família Bolsonaro, diz jornal

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (26) uma operação contra hackers suspeitos de terem acessado e divulgado dados pessoais do presidente Jair Bolsonaro e sua família.

A investigação aponta que há suspeita de que houve acesso ilícito a dados pessoais de mais de 200 mil servidores públicos e autoridades através da invasão de sistemas de universidades federais, prefeituras e câmaras de vereadores municipais em diversos estados.

A informação sobre o acesso a dados pessoais da família Bolsonaro foi publicada pelo jornal Folha de S.Paulo.

Em nota, a PF se limita a dizer que o grupo tinha como objetivo de “intimidar e constranger tanto as instituições quanto as vítimas que tiveram seus dados e intimidade expostos”, mas não menciona o presidente ou seus familiares.

“De acordo com o Inquérito Policial, integrantes do grupo hacker investigado obtiveram e expuseram de forma ilícita dados pessoais de mais de 200 mil servidores e autoridades públicas, com o objetivo de intimidar e constranger tanto as instituições quanto as vítimas que tiveram seus dados e intimidade expostos”, escreveu a PF.

operação cumpre mandados nos estados do Rio Grande do Sul e Ceará e conta com a participação de 20 policiais federais.

“A investigação se concentra na apuração dos crimes de invasão de dispositivo informático, corrupção de menores, estelionato e organização criminosa”, disse a PF.