Agentes do Idaron flagram transporte irregular de bovinos durante fiscalização em RO

Servidores flagraram até uma GTA falsificada que acompanhava o transporte dos 65 bovinos.

Gado seria levado para São Paulo.

O transporte irregular de 65 bovinos foi flagrado durante fiscalização de rotina da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron) no posto fiscal de Vilhena (RO), no último final de semana.

Os agentes apreenderam uma Guia de Transporte Animal (GTA) falsificada que acompanhava o transporte para o estado de São Paulo.

Após a abordagem, o caminhão foi reconduzido com ajuda da Polícia Militar (PM), até uma propriedade onde foi feito o desembarque do gado.

Após a detecção da irregularidade, servidores de Pimenta Bueno e Cacoal foram acionados para acompanhar o desembarque dos animais na propriedade de origem, onde foi feito o processo de vigilância clínica, identificação individual e separação dos animais de acordo com a titularidade.

Segundo a Idaron, na última segunda-feira (26) profissionais fizeram a conferência do rebanho. As ações servem para sustentar a manutenção da sanidade animal em Rondônia e, controlar a saída e entrada apenas do gado com as garantias e documentação zoossanitárias.

“Com isso, Rondônia cada vez mais se habilita para o reconhecimento internacional da zona livre de febre aftosa sem vacinação e garante saúde para os nossos rebanhos”, comentou a Idaron, em nota.

Fonte: Idaron

Fiscalização flagra festa de aniversário clandestina em plena faze de restrição

Eventos e reuniões com mais de 5 pessoas estão proibidos por decreto do Governo do Estado.

Porto Velho, RO – Uma festa de aniversário clandestina com cerca de 20 pessoas foi flagrada na noite da última quinta-feira (15) durante operação de fiscalização. Eventos e reuniões com mais de cinco pessoas estão proibidos por decreto do Governo do Estado como forma de evitar a disseminação do novo coronavírus.

A oitava edição da Operação Urgência foi realizada pelo Corpo de Bombeiros, com apoio de outros órgãos de fiscalização, com o objetivo de impedir aglomerações e o descumprimento de normas sanitárias.

Durante a ação, uma festa de aniversário foi denunciada por vizinhos. Quando os agentes chegaram no local, perceberam que a festa acontecia na calçada. Os participantes foram dispersados.

Outros flagrantes também foram realizados em espaços públicos, como o Skate Park, onde jovens estavam reunidos fora do horário permitido pelo decreto, além de bares abertos, consumo de bebidas alcoólicas e até partidas de futebol que precisam ser encerradas.

Durante a quinta-feira (15), 67 intervenções foram realizadas, duas orientações foram feitas e ainda foi registrado uma aglomeração e uma autuação. Desde o início das fiscalizações já foram realizadas 212 notificações, sendo que 25 estabelecimentos precisaram ser desativados, 91 interdições e registradas 49 aglomerações.

Operação Restrição flagra várias pessoas descumprindo decreto na capital

Também um bar foi fechado por não cumprir as medidas sanitárias e o horário de atendimento exigido por decreto.

A operação Restrição feita pela Secretaria de Estado de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), sob a coordenação do Corpo de Bombeiros Militar mais uma vez cumpriu no final de semana medidas contra circulação de pessoas em espaços e vias públicas entre 21h e 6h. Entre uma das ações, flagrou jovens no Skate Park, e clientes de bares e restaurantes causaram aglomerações durante o sábado (27), mesmo após decreto do Governo que proíbe a circulação de pessoas para conter o avanço do coronavírus em Porto Velho.

De acordo com os agentes, o grupo de jovens de bicicletas passaram parte da noite tentando despistar a equipe da operação. Eles se escondiam em esquinas e pontos distantes do parque e retornavam para as pistas de skate após a saída dos fiscais.

Com a chegada dos agentes, donos de pequenas lanchonetes encerraram as atividades. Uma família que caminhava no espaço foi abordada e cancelou o passeio.

Próximo ao Skate Park, um bar foi fechado por não cumprir as medidas sanitárias e o horário de atendimento exigido por decreto. Segundo a Sesdec, esse bar foi interditado pelos fiscais do município em todas as cinco fases da Operação Restrição.

Já no centro de Porto Velho um restaurante foi fechado. Segundo os agentes, além de funcionar fora do horário permitido, as mesas do local estavam lotadas, os clientes não usavam máscaras e o atendimento acontecia normalmente. Quando o proprietário foi orientado a encerrar as atividades, um grupo de jovens fez ameaças aos agentes da operação, eles diziam que iriam expor os fiscais nas redes sociais.

Aglomeração de jovens durante pandemia em Porto Velho  — Foto: Daiane Mendonça/ Governo de Rondônia
Aglomeração de jovens durante pandemia em Porto Velho

No total, a operação visitou 73 estabelecimentos durante o sábado (27). A ação conta com apoio da Polícia Militar (PM), Polícia Civil, Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), Programa de Orientação e Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), Superintendência Estadual de Comunicação (Secom) e representantes da Prefeitura de Porto Velho.

Polícia Civil flagra máquinas caça-níqueis em um estabelecimento comercial na capital; veja vídeo

De acordo com as informações, pelo menos 20 máquinas caça-níqueis foram apreendidas após denúncia.

Equipes da 1ª DP de Porto Velho apreenderam 20 máquinas caça-níqueis na manhã desta quarta-feira (23), em um estabelecimento comercial localizado na Avenida Lauro Sodré.

A Polícia chegou ao local após denúncia anônima. Investigações foram realizadas e o delegado Talles Emmanuel Vasconcelos Beiruth, fez a representação de mandado de busca e apreensão, autorizado pela Justiça.

Durante a operação, foram encontradas e apreendidas 20 máquinas caça-níqueis.

Fonte: Rondônia Agora

PRF flagra dupla transportando carga de droga com mais de 3 quilos de cocaína em RO

O caso foi encaminhado para polícia civil.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), durante uma fiscalização na BR-364 de Porto Velho, interceptou um carregamento de cocaína, transportada por dois homens. A ocorrência foi registrada nesta segunda-feira (7).

No total, 3,18 Kg da droga ilícita, que estavam embalados em tabletes com papel prateado, eram transportados em veículo de passeio, foram encontrados e encaminhados à Polícia Civil para destruição.

PRF-RO flagra caminhão transportando carga de eletrônicos escondidos em fardos

O material apreendido em Ariquemes foi encaminhado à Receita Federal de Porto Velho.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante uma abordagem a um caminhão na BR-364, apreendeu mais de 190 eletrônicos ilegais em Ariquemes (RO). A carga, avaliada em R$ 40 mil, estava escondido em fardos de salgadinhos e biscoitos.

Conforme os agentes da PRF, o material foi embarcado no veículo em Campo Grande (MS) e tinha como destino final a capital Porto Velho.

“Para tentar iludir a fiscalização, o motorista escondeu os produtos eletrônicos no meio de fardos de salgadinhos e biscoitos”, afirma a polícia.

Entre os itens contrabandeados no caminhão estavam componentes internos para computadores (memórias, placas de vídeo, Hard Disk, processadores), teclados, pendrives, leitor de imagem, aparelho GPS e rádios transmissores.

O material apreendido em Ariquemes foi encaminhado à Receita Federal de Porto Velho.

Fonte: G1/RO

Motorista é preso após teste de ‘drogômetro’ em Ji- paraná, RO

De acordo com a PRF, essa foi a primeira prisão realizada com a ajuda do equipamento no estado. Drogômetro ainda não está regulamentado, mas pode ser usado como meio auxiliar de prova.

Anfetaminas e munições de arma de fogo foram apreendidas pela PRF em Ji-Paraná — Foto: PRF/Divulgação
Anfetaminas e munições de arma de fogo foram apreendidas pela PRF em Ji-Paraná

A Polícia Rodoviária Federal de (RO) abordou um homem que dirigia uma carreta na manhã desta sexta-feira (3) em Ji-Paraná após ser flagrado portando duas cartelas de anfetaminas, conhecidas como “rebite”. A prisão contou pela primeira vez com a utilização do “drogômetro” no estado.

Os agentes identificaram que o homem havia desrespeitado os horários previstos na Lei do Descanso, que protege o motorista contra horários e jornadas de trabalho extenuantes. Com ele, também foram encontradas duas cartelas de rebite, utilizadas para “disfarçar” o sono.

Com isso, o motorista foi convidado a fazer o teste de “drogômetro”, em um equipamento que consegue identificar até 15 tipos de drogas ilícitas através de gotículas de suor. Com o resultado positivo para cocaína, o homem foi preso pelo crime de trânsito de dirigir sob influência de substância psicoativa.

Em revista no caminhão, ainda foram encontradas 10 munições calibre 38, em embalagem comercial, que o caminhoneiro disse ter adquirido em Manicoré (AM) para entregar a um conhecido em Brasília (DF). Diante disso, ele também deve responder por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Drogômetro

O uso do equipamento para a aplicação de multas ainda não está regulamentado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), no entanto, por ser um aparelho aferido pelo Inmetro, o laudo pode ser usado como meio auxiliar de prova legalmente admitido.

Fonte: G1/RO

Homem é preso por transportar barras de ouro em distrito de nova mamoré, RO

Barras foram avaliadas em torno de quase 2 milhões, agentes desconfiam que seria trocadas por drogas.

Polícia revistou homem e encontrou ouro debaixo da roupa em RO — Foto: Polícia Civil/Divulgação
Polícia revistou homem e encontrou ouro debaixo da roupa em RO

A Polícia Civil flagrou Um homem nesta quarta-feira (1°) transportando quase seis quilos de ouro contrabandeado. A prisão de Wesley Vieira Candido aconteceu na região do distrito de Araras, em Nova Mamoré (RO), fronteira com a Bolívia.

A apreensão do ouro aconteceu durante uma abordagem realizada por policiais que atuam na operação Horus, de combate ao crime na região de fronteira.

De acordo com a Delegacia de Polícia Civil, as barras de ouro estavam escondidas junto ao corpo de Wesley, que trafegava sozinho em um veículo pela BR-364.

Ainda conforme a polícia, as barras são avaliadas em cerca de R$ 2 milhões e possivelmente seriam trocadas por droga na fronteira entre Brasil e Bolívia.

O suspeito e o material apreendido foram levados à delegacia de Guajará-Mirim (RO). O homem deve responder por usurpação de propriedade na União.

Fonte: G1/RO

Dupla é flagrada transportando 28 cabeças de gado furtados no interior de Rondônia

Segundo a informação da PM, uma denúncia anônima informou que um caminhão boiadeiro estaria seguindo sentido Theobroma com gado furtado.

Bandidos fazem família refém e roubam 185 cabeças de gado em ...
Caminhão com gado furtado

A Polícia Militar flagrou na noite de ontem (19), em uma região próxima a Theobroma (RO). Dois homens que estavam em um caminhão transportando 28 cabeças de gado furtadas. O flagra aconteceu através de uma denúncia. Um dos suspeitos ainda teria dito que foi contratado para fazer o transporte.

Quando o caminhão parou, o motorista foi questionado sobre a procedência do gado que estava sendo transportado, e o suspeito informou que havia sido contratado em Jaru para buscar os animais, mas não tinha Guia de Transporte Animal (GTA) ou nota fiscal. O ajudante confirmou a versão dada pelo caminhoneiro.

De acordo com o boletim de ocorrência, uma denúncia anônima informou à Polícia Militar que um caminhão boiadeiro estaria seguindo sentido Theobroma com gado furtado. O informante ainda disse que outro morador teria ligado para o responsável pelo rebanho para perguntar se ele estava embarcando gado, mas quando o vaqueiro chegou na propriedade para verificar, encontrou o cadeado rompido, parte do gado amarrado e outra parte havia desaparecido.

Com isso, a polícia passou a realizar buscas pela RO-133, quando avistou um caminhão de Ji-Paraná. Apesar da ordem de parada, giroflex e sirene da viatura da polícia ligada, o veículo seguiu por mais três quilômetros.

O vaqueiro responsável pelo rebanho compareceu ao local, junto ao dono da propriedade, e verificou que se tratava dos animais que haviam sido furtados. Como o caminhão estava com excesso de lotação, com 28 cabeças de gado, os animais foram descarregados em um curral próximo, com o consentimento da vítima.

Os dois suspeitos e o caminhão foram apresentados na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp).

Fonte: G1/RO