Defesa Civil registra 20 mortos e 31 mil desabrigados por chuvas na BA

Tragédia atinge 116 municípios baianos

A Defesa Civil da Bahia informou ontem (27) que foram registradas 20 mortes de pessoas após as fortes chuvas que atingiram a região sul do estado nas últimas semanas. De acordo com o órgão, 31,4 mil pessoas estão desabrigadas (pessoas que não possuem mais moradia) e desalojadas ( pessoas que não conseguem acessar suas casas). As chuvas afetaram 116 municípios no estado. 

Os dois óbitos mais recentes foram registrados pelas autoridades em Itabuna, onde uma mulher de 33 anos foi vítima de desabamento e um jovem de 21 anos foi levado pela correnteza. 

Do total de 116 municípios afetados, cerca de 100 declararam situação de emergência. 

Até o momento, o governo federal disse ter aplicado cerca de R$ 20 milhões da Defesa Civil Nacional nos esforços para atender a população atingida. Nesta segunda, o governo da Bahia divulgou também a abertura de uma linha de crédito especial, de até R$ 150 mil e com juro zero, para recuperar estabelecimentos comerciais prejudicados.

Fonte: Fábio Massalli A/B

Prefeito anuncia abertura do comércio e dispara: “Morra quem morrer” (veja o vídeo)

O prefeito afirmou que autorizará os estabelecimentos comerciais a abrirem as portas a partir da próxima quinta-feira, dia 09

Viralizou nesta quinta-feira, 02, um vídeo do prefeito de Itabuna, na Bahia, Fernando Gomes (PTC), confirmando a flexibilização do comércio do município para a próxima semana. O prefeito afirmou que autorizará os estabelecimentos comerciais a abrirem as portas a partir da próxima quinta-feira, dia 09, “morra quem morrer”.

“Primeiro lutar pela vida, a vida é uma só. Morrer acabou. Não tem fortuna, não tem pobreza, não tem falência, não tem nada. Não posso abrir uma coisa que não tenho cobertura. Na dúvida, com os nossos morrendo por causa de um leito em Itabuna, vou transferir essa abertura. No dia 8, mandei já fazer o decreto, que no dia 9 abre, morra quem morrer”, disse o prefeito.

Segundo a prefeitura de Itabuna, o prefeito foi “mal interpretado” e está contrariado com a situação do comércio da cidade.

Confira:

%d blogueiros gostam disto: