Aeroporto de Ariquemes passará por melhorias, segundo DER

A Obra será feita onde hoje funciona aeroclube da cidade.

O Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER) divulgou nesta semana a assinatura de um termo de referência para a contratação de uma empresa especializada na elaboração do projeto básico e construção de um terminal de passageiros no aeroporto de Ariquemes (RO), no Vale do Jamari.

Conforme o DER, as obras devem contemplar também a aquisição de mobiliário e equipamentos do terminal, pista de táxi e pátio de estacionamento de aeronaves, estacionamento de veículos, vias de acesso interno e externos e serviços complementares do aeroporto. A capacidade será de 150 passageiros.

Segundo o DER, o projeto de ampliação da pista, chamado de “parte ar”, já está pronto e aguarda o repasse da Secretaria Nacional de Aviação Civil para a licitação da obra.

Atualmente a cidade não tem a oferta de voos comerciais e o aeroporto mais próximo com esse serviço fica em Porto Velho, distante 200 quilômetros de Ariquemes. O aeroclube de Ariquemes tem estrutura apenas para pousos e decolagens de pequenas Aeronaves.

Fonte: G1/RO

Deputado Ismael Crispin discute com DER melhorias na RO-481

.

Precariedade do trecho que liga a BR-429 ao frigorífico JBS está causando muitos problemas

Buscando a manutenção e ampliação da RO-481 em São Miguel do Guaporé no trecho que liga a BR-429 ao frigorífico JBS, o deputado Ismael Crispin (PSB) esteve reunido na manhã desta quarta-feira (24) com o diretor do Departamento de Estradas de Rodagens (DER), Elias Rezende e os vereadores do município, Arilson Valério, Toninho Correia, Genivaldo Martins, Adriano Sacoman, Fabiano Esteves e o Negão da 98.

O deputado destacou que a precariedade em alguns trechos das rodovias estaduais rondoniense tem sido tema de ações e debates desde o seu primeiro dia de mandato.

“Nossas estradas estão com a malha viária bastante desgastada e estamos preocupados com a segurança da população que precisa percorrer esse trecho da RO-481, região de um frigorífico, com trânsito intenso de caminhões”, disse.

Segundo o parlamentar, que nas duas últimas semanas percorreu o Estado, é possível constatar muitos trechos esburacados e sinalização precária. “O diretor do DER foi muito atencioso e apontou que o Governo já está estudando a situação e em breve dará a ordem de serviço para solucionar o problema da população de São Miguel do Guaporé.  Esperamos que o nosso pleito seja atendido o mais rápido possível”, finalizou Ismael Crispin. 

Texto: Laila Moraes – ALE/RO

Deputado Ismael Crispin busca melhorias para cadeia produtiva do café

Rondônia vem se destacando no cenário nacional como um dos maiores produtores de café do Brasil

Com intuito de incentivar a cadeia produtiva de café do Estado de Rondônia, o deputado Ismael Crispin (PSB) requereu ao presidente da Agência de Defesa Sanitária Agrosilviopastoril (Idaron), a criação de um Órgão de Pesquisa Agropecuária; criação do Fundo de Amparo aos viveiristas que apresentem nas mudas a presença de nematoide do gênero Meloidogyne ssp e apresentação de ações de sustentabilidade do setor.

O parlamentar solicitou ainda, a extinção, na Portaria da Idaron nº558/2016, da necessidade de encaminhar a amostra do café com a presença de solo, somente para as raízes em consonância com a Instrução Normativa do MAPA nº 35; em caso de subparcela positiva de presença de nematoide do gênero Meloidogyne ssp que não haja interdição total do viveiro e sim a parcela em questão e a obrigatoriedade da análise de qualidade para nematoide do gênero Meloidogyne ssp em viveiros para uso próprio.

Em sua justificativa, Ismael Crispin destacou que o Estado de Rondônia vem se destacando no cenário nacional como um dos maiores produtores de café do Brasil. “Somos o quinto maior produtor de café do país e estamos entre os três maiores estados produtores da espécie canéfora (Robusta e Conilon). Essas demandas apresentadas ao Idaron estão dificultando o trabalho dos nossos produtores de café e por isso esperamos a atenção devida ao nosso pleito”, finalizou.

Texto: Laila Moraes-ALE/RO

Equipes da Emdur inspecionam as necessidades dos espaços públicos da capital

Entre os equipamentos públicos visitados pela equipe técnica da Emdur está o campo Tucuruí, no bairro Caladinho

Por meio da Empresa de Desenvolvimento Urbano (Emdur), a Prefeitura de Porto Velho está dando continuidade ao Programa de Revitalização da Iluminação em Espaços e Equipamentos Públicos (Proequipa). Essa semana realizou vistorias em alguns locais da zona Sul da cidade, que necessitam de novas intervenções.

Entre os equipamentos públicos visitados pela equipe técnica da Emdur estão o campo Tucuruí, localizado no bairro Caladinho e o espaço onde todos os anos é realizado o arraial Flor do Cacto, no bairro Cidade Nova.

“Foram listadas todas as necessidades desses espaços para que sejam sanadas o quanto antes possível e fiquem aptos para o lazer dos moradores durante a noite, proporcionando mais segurança aos frequentadores”, frisou o diretor técnico da Emdur, Eduardo Pires, acrescentando que o vereador Edmilson Dourado acompanhou a vistoria.

Fonte: SMC

Ismael Crispin discute melhorias para Polícia Civil de Rondônia

Parlamentar pontuou que muitos projetos estão em tramitação para serem aprovados esse ano

Buscando atender as necessidades dos órgãos de segurança pública de Rondônia, o deputado Ismael Crispin (PSB) esteve na manhã desta terça-feira (12) com o secretário adjunto da Secretaria de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), delegado Hélio Gomes Ferreira, para discutir ações que garantam melhorias para a Polícia Civil.

De acordo com o parlamentar, os desafios enfrentados pelas forças de segurança precisam de todos os reforços possíveis para serem superados. “ Desde que assumi meu mandato, tenho acompanhado de perto as necessidades dos policiais civis do nosso Estado e buscado ajudar no que for necessário. O papel desempenhado por eles é essencial para garantir a qualidade de vida dos cidadãos brasileiros”, esclareceu o parlamentar.

Segundo Ismael Crispin, muitos temas foram abordados durante a reunião, entre eles a valorização profissional. “Estamos trabalhando para que a Polícia Civil do nosso Estado, continue no patamar de excelência que ele precisa para cumprir suas atribuições de forma honrosa. Temos muitos projetos em tramitação e acreditamos que esse ano teremos muitas conquistas”, pontuou.

A reunião contou também com a presença do Delegado Geral da Polícia Civil, Samir Fouad Abboud, o presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Judiciária Civil do Estado de Rondônia (Sindepro) Renato Eduardo de Souza e o presidente do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado de Rondônia (Sinpol), Rodrigo Marinho.

Texto e foto: Laila Moraes – ALE/RO

Governo firma convênio para construção de melhorias no Centro de Referência da Criança e do Adolescente em Vilhena

A obra do Centro, segundo os termos do convênio, terá prazo de execução de um ano

O Governo de Rondônia programou para após o período de eleições o repasse de R$ 274 mil à Prefeitura Municipal de Vilhena, para execução da obra de vestiários e melhorias da estrutura física do Centro de Referência da Criança e do Adolescente (Creca), para dar mais conforto e condições adequadas de trabalho e atendimento à comunidade de Vilhena.

O repasse será realizado por meio do Convênio nº 245/PGE/2020, firmado entre o Governo do Estado, com interveniência da Secretaria Estadual de Obras e Serviços Públicos (Seosp), que fiscaliza a obra, e Prefeitura de Vilhena, em atendimento à proposta de emenda parlamentar do deputado Luizinho Goebel, conforme explicações do técnico Mateus Gavazza Nery, gerente de convênios da Secretaria.

Segundo ele, o valor total dos serviços de ampliação e melhorias do Creca é de R$ 327.519,07, sendo R$ 274 mil que serão repassados pelo Estado, tão logo seja possível em virtude do período eleitoral que veda a efetivação dessas medidas, e o restante, R$ 53.519,07, será de responsabilidade da Prefeitura de Vilhena, como contrapartida do convênio. A obra que foi construída com recursos do Estado agora será complementada com serviços.

A obra do Centro, segundo os termos do convênio, terá prazo de execução de um ano, contado a partir da data do repasse. Segundo o gerente de convênio da Seosp, o atendimento a esta demanda foi autorizado pelo governador Marcos Rocha, porque o Creca presta importantes serviços à comunidade de Vilhena, destacando um conjunto de atividades esportivas como futebol, natação e outros esportes para crianças de 7 a 13 anos, além de atividades também importantes para o desenvolvimento das crianças, como balé, artesanato e reforço escolar, em grande ação prática de inclusão social para jovens do município.

Fonte: Secom-RO

Saúde e diretoria discutem sobre melhorias no atendimento do Hospital João Paulo II

Uma das melhorias é na parte interna do Pronto Socorro.

Secretário Fernando Máximo mantém reunião com diretoria do João Paulo II

O Hospital e Pronto Socorro João Paulo II foram pautas da reunião ocorrida na na manhã desta segunda-feira (21). O secretário de Estado da Saúde (Sesau), Fernando Máximo, e o diretor geral da Unidade Hospitalar, Amaury Junior, se reuniram para debaterem ações que possam possibilitar melhorias na área interna do Hospital e Pronto Socorro João Paulo. Na ocasião foram apresentadas ao gestor da pasta algumas atuações já implantadas dentro do hospital, entre elas a parte organizacional.

Além das ações feitas na unidade durante essa nova gestão, o diretor do João Paulo II, Amaury Junior, pontuou importantes demandas a serem estudadas, como a superlotação, que desde o início da gestão vinha sendo controlada, porém com a pandemia, os hospitais de retaguarda, como o Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro e Santa Marcelina tiveram que receber pacientes acometidos pela Covid-19 e menos pacientes do JPII.

“Atualmente temos uma estrutura da parte administrativa, dentro do preconizado pelo Conselho Regional de Medicina (CRM), respeitando a resolução 2147/2016, na qual descreve a estrutura que uma unidade hospitalar deve obedecer em termo de organização médica, entre elas, diretor técnico, diretor clinico, e comissão de ética. Esta resolução descreve as funções de cada cargo e suas respectivas obrigações. Pode-se dizer que o JP II basicamente não possuía tal estrutura organizacional. Então uma das ações implementadas nesses seis meses de nova gestão foi organizada conforme exige o Cremero (Conselho Regional de Medicina do Estado de Rondônia)”, destacou Diego Almeida, diretor técnico do Hospital João Paulo II.

Ainda de acordo com o diretor técnico, a unidade atualmente possui um documento que é obrigatório, denominado “Regime Interno do corpo clínico”, no qual descreve o regime de funcionamento da unidade com relação à equipe médica, os serviços oferecidos, delimitando a função de cada servidor na linha de cuidado ao paciente.

Outro ponto importante implantado na unidade foi o prontuário eletrônico, que já existia no Estado, mas não no JP II. “Fizemos uma transição nos últimos quatro meses muito importante com relação ao uso desse prontuário. Hoje todos os profissionais utilizam 100%, o que facilita a prescrição eletrônica, a guarda dos dados do paciente, dando maior segurança e nos dá um controle muito maior ao estoque de medicamentos e insumos da farmácia.

O Pronto Socorro João Paulo II tem 30 anos. A unidade foi inaugurada em 1984, com o intuito de atender os funcionários da Empresa Eletronorte, encarregados da construção da Usina Hidrelétrica de Samuel. “A estrutura está velha, por mais reparos que façamos durante esses 30 anos era para termos um novo hospital. O telhado é antigo, e com fortes chuvas ocorrem infiltrações, estamos estudando a melhor forma de fazer os reparos. Nossa equipe de engenheiros irão estudar para que possamos resolver essa problemática que não é de hoje”, ponderou Fernando Máximo.

Participaram ainda da reunião a diretora adjunta do Pronto Socorro João Paulo II, Andreia Prestes, e a diretora executiva da Sesau, Amanda Diniz.

Fonte: Sesau

Estrada do Belmont tem primeiro quilômetro concluído de pavimentação

No total, serão cinco quilômetros asfaltados pelo Governo do Estado.

O asfaltamento da estrada do Belmont vai impulsionar a exportação e garantir melhorias na qualidade de vida de seus usuários, principalmente, de caminhões carregados. Uma das estradas de maior importância econômica para Rondônia está recebendo pela primeira vez os trabalhos de pavimentação asfáltica e, na quarta-feira (16), o Governo de Rondônia, por meio do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER), finalizou o primeiro quilômetro de asfalto com qualidade e técnica na execução.

Os trabalhos estão sendo fiscalizados constantemente pelo DER

O diretor-geral do DER, Elias Rezende, esteve nesta semana conferindo in loco os trabalhos executados pelas equipes da Usina de Asfalto e da 13ª Residência Regional em Porto Velho. “Esse primeiro quilômetro finalizado é motivo de comemoração de quem está à frente deste trabalho árduo, como também para os moradores do entorno, que todos os anos sofriam com poeira em suas residências.

Responsável pela estrada do Belmont, a obra está sendo executada por meio de um termo de cooperação assinado com a Prefeitura de Porto Velho, utilizando recurso, equipamentos, equipe técnica e mão de obra, próprios do Governo do Estado.

Os trabalhos contam também com o apoio do Exército Brasileiro na disponibilização de equipamentos para intensificar as ações, além dos testes e estudos de qualidade do asfalto, que estão sendo realizados antes da aplicação nos laboratórios de solos e de asfalto do Exército Brasileiro, como também da autarquia.

Fonte: Secom-RO

Estradas da vila nova do Samuel, em Candeias do Jamari recebem recuperação

Equipes do DER vão atender 78 quilômetros de duas estradas vicinais na vila.

O Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER), realizou a assinatura do Termo de Cooperação nº 034/2020 para atender 78 quilômetros de duas estradas vicinais na vila Nova Samuel, localizadas em Candeias do Jamari.

O diretor-geral do DER destacou que os trabalhos já iniciaram e atenderão pontos críticos das linhas 35 e LP 45 do município, buscam cumprir a determinação do governador Marcos Rocha, de garantir trafegabilidade segura aos moradores da região.

Responsável pelos serviços, a coordenadoria de Operações e Fiscalização do DER, por meio do engenheiro civil Adonai Santos de Oliveira, informou que após o levantamento técnico, os trabalhos iniciaram nos pontos críticos da Linha 35, onde 50 quilômetros serão recuperados pelo DER com patrolamento, encascalhamento, conformação da plataforma de sete metros de largura, limpeza lateral, dentre outras ações que garantirão segurança na trafegabilidade, principalmente durante o período de chuvas em que as poeiras deixam espaço para atoleiros e lamaçal nas estradas que não receberam manutenção.

“Os serviços iniciaram na linha 35, visto que a equipe técnica realizou vistoria no local e constatou que os pontos críticos devem ser atendidos com urgência, antes do período de chuvas, para que a população não sofra mais ainda ao trafegar nas linhas 35 e linha LP 45 em Candeias do Jamari”, explica Oliveira.

Conforme o termo de cooperação, o DER disponibilizou equipe técnica, mão-de-obra, combustível, servidores, equipamentos e máquinas próprias, além da retirada de material na jazida para garantir o cascalho que atenderá pontos críticos com qualidade na execução dos serviços de revestimento primário. O fornecimento de hospedagem e alimentos, além da mão de obra e disponibilização de alguns equipamentos estão entre as responsabilidades da Prefeitura na execução dos serviços.

Fonte: DER

Cacoal: Escolas estaduais recebem reformas

Apesar das aulas presenciais estarem suspensas devido a pandemia, e ainda não ter uma data certa de retorno, diversas reformas e ampliações estão sendo feitas para atender com melhor qualidade o retorno dos estudantes.

Em Cacoal, praticamente todas as escolas estaduais estão passando por obras variadas. Na Escola Josino Brito, por exemplo, já está em fase de conclusão a construção de um refeitório e de uma quadra poliesportiva. Com investimento de quase R$ 170 mil, também foi feita a reforma elétrica de toda a escola, inclusive a subestação de energia, e também a reforma do telhado do auditório.

Outra escola que também está aproveitando o momento de suspensão das aulas presenciais para investir recursos em infraestrutura é a Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Carlos Drumond de Andrade. Na volta às atividades, além de passar por uma reforma geral, a escola contará com um novo refeitório, propiciando um espaço amplo e um ambiente melhor para a hora do lanche e das refeições. São mais de R$ 460 mil em investimentos.

São mais de R$ 460 mil em investimentos do Governo de Rondônia

As escolas indígenas também estão recebendo atenção especial por parte do Governo de Rondônia. Na Escola João Evangelista Dias, localizada na Linha 10, uma reforma geral está dando nova cara à instituição de ensino.

Outra conquista é a construção da Escola Indígena Nagaxip Suruí, na Linha 07, também em Cacoal. São duas salas de aula, banheiros, depósito, cozinha e uma área interna de alimentação. Também está em processo de licitação, a reforma geral da escola Sertanista Francisco Meireles, na Linha 12, e a construção de um refeitório e banheiros para a Escola Indígena Noá Suruí, na Linha 12.

A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Cora Coralina também está recebendo atenção especial, no centro de Cacoal. Além da instalação de corrimãos, guarda-corpos e alambrado, uma pintura com tinta protetora promete dar mais durabilidade ao serviço que está sendo executado. Investimentos também estão sendo feitos no refeitório e na quadra esportiva. A escola contará ainda com uma sala especial para a educação física dos alunos. Ao todo, serão investidos aproximadamente R$ 325 mil na reforma e ampliação da Escola Estadual Cora Coralina.

Fonte: Seduc

%d blogueiros gostam disto: