Viatura da Força Nacional causa acidente e mata motorista durante ultrapassagem na BR-364 em RO

Rodovia ficou fechada após acidente entre carro e viatura.

Acidente deixa um morto na BR-364, perto da Unir

O motorista de um carro de passeio morreu após ser atingida por uma viatura da Força Nacional, nesta quarta-feira (23). O acidente foi na BR-364, perto do campus da Universidade Federal de Rondônia e da entrada da Vila Princesa.

Com a batida, os dois automóveis saíram da pista. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que o acidente provavelmente foi durante uma manobra de ultrapassagem da viatura, mas não deu detalhes das circunstâncias da batida.

O motorista do veículo de passeio morreu na hora e os ocupantes da viatura da Força Nacional ficaram levemente feridos.

Houve um congestionamento de veículos na BR-364, perto da Unir, pois a rodovia precisou ser fechada.

A viatura da Força Nacional, que ficou parcialmente destruída após o acidente, foi retirada do local por volta de 11h45 em um caminhão guincho.

Fonte: Assessoria

Homem morre preso às ferragens em colisão com caminhão em RO

Motorista do caminhão teria feito uma ultrapassagem que atingiu o carro da vítima.

O motorista de um carro de passeio morreu após ser atingido por um caminhão baú, na noite de quarta-feira (19), perto do Morro Chico Mendes em Ouro Preto do Oeste (RO). A vítima foi identificada como Valdeir.

Consta em boletim de ocorrência registrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) que o motorista do caminhão não conseguiu concluir uma ultrapassagem e atingiu o carro. A colisão foi no final da terceira faixa (onde há um estreitamento da pista).

Com a colisão, Valdeir ficou preso às ferragens e, quando os bombeiros chegaram ao local do acidente, o motorista do carro não resistiu aos ferimentos.

O local do acidente passou por perícia e então os bombeiros retiraram o corpo de Valdeir e entregar para uma funerária. Segundo a corporação, o motorista do caminhão não teve ferimentos, mas estava em estado de choque após a colisão.

Fonte: G1/RO

Motorista é parado por fazer ultrapassagens perigosas e acaba preso por dirigir sob efeito de drogas em RO

O caso aconteceu no município de Presidente Médici na BR-364.

Drogômetro": saiba como funciona o equipamento em testes no Brasil
Teste de Drogômetro

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na manhã desta quarta-feira (13), prendeu um motorista de uma carreta em flagrante, após ser constatado que ele estava dirigindo sob efeito de droga, na BR-364, no município de Presidente Médici.

De acordo com a PRF, ao tentar forçar uma ultrapassagem proibida, o motorista do veículo de carga perdeu parcialmente o controle da direção, obrigando os automóveis que circulavam no sentido contrário, incluindo a viatura policial, a realizarem uma manobra brusca, indo para o acostamento, para evitar a colisão.

Os policiais conseguiram abordar o motorista, e ele foi submetido ao teste do drogômetro.

O aparelho detectou a presença de cocaína no organismo do motorista, que recebeu voz de prisão pelo crime de conduzir veículo com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de droga.

Fonte; PRF

Felipe Melo agradece Bolsonaro por libertação de motorista (veja o vídeo)

Diante do desfecho encabeçado pelo presidente Jair Bolsonaro a “Mídia do ódio se cala”

O volante do Palmeiras, Felipe Melo, agradeceu, na quinta-feira (6), durante o programa da Jovem Pan, Camisa 10, o presidente Jair Bolsonaro pelo empenho em trazer o motorista Robson Oliveira de volta ao Brasil.

“Muito feliz com o desfecho do ‘Caso Robson’. Poder vê-lo entre carinhos, abraços e amor dos seu ambiente familiar. Voltar à sua pátria amada. Não posso deixar de agradecer o Senhor Cristo Jesus porque foi Ele que abriu as portas para que Robson pudesse voltar. Quero agradecer ao nosso presidente Jair Bolsonaro por dedicar tanto tempo em tantas reuniões para que o Robson pudesse voltar. Sem dúvida nenhuma, foi essencial”, comemorou.

Robson estava preso na Rússia há quase dois anos. Ele era funcionário da família do jogador Fernando (que hoje está na China) e entrou no país, levando um remédio para o sogro do atleta, mas o medicamento tinha substância proibida no país e o motorista foi detido por isso.

Felipe Melo entrou em contato com Fabio Wajngarten, ex-chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social do Governo Federal, que levou o caso ao presidente. Bolsonaro falou, pessoalmente, com o presidente da Rússia, Vladmir Putin, e explicou a situação.

Após a conversa dos chefes de Estado, o motorista recebeu o indulto, em abril deste ano, e pôde voltar pra casa.

Confira o vídeo:

Fonte: JCO

Em Jaru, Carro pega fogo e motorista foge do local

O condutor teria tentado apagar o fogo com extintor de incêndio, mas não conseguiu e então fugiu antes da chegada dos bombeiros.

Um carro de passeio pegou fogo enquanto transitava perto do aeroporto de Jaru (RO), na noite de domingo (9). Ainda não se sabe as causas do incêndio e o veículo ficou totalmente destruído. Já o motorista fugiu antes da chegada das autoridades.

Segundo boletim registrado pelo Corpo de Bombeiros, a guarnição foi chamada até a linha rural 603 para atender um caso de incêndio em veículo Ford Fiesta.

Ao chegarem no local, os bombeiros se depararam com o carro em chamas e imediatamente começaram a jogar água para controlar o fogo.

Moradores da região contaram aos militares que o motorista seguia viagem pela estrada, quando percebeu o motor superaquecendo. Ele então estacionou o veículo na margem da estrada e então o carro incendiou.

O condutor teria tentado apagar o fogo com extintor de incêndio, mas não conseguiu e então o homem foi embora, antes da chegada da polícia e dos bombeiros.

Fonte; G1/RO

Milagrosamente, criança de 2 anos cai do 12º andar direto para as mãos de um motorista (veja o vídeo)

“Não me vejo como um herói”

Em Hanói, no Vietnã, uma menina de 2 anos caiu da sacada de um apartamento do 12º andar, direto para as mãos de um motorista que estava parado fora de seu carro na rua. Moradores registraram o momento, que viralizou na internet.

Nguyen Ngoc Manh, de 31 anos, estava esperando próximo do seu veículo, para concluir um trabalho, quando ouviu uma criança chorando. À princípio, ele pensou tratar-se de um bebê “fazendo birra”, mas, em seguida, ouviu pessoas gritando. E, então, percebeu que a criança estava pendurada na sacada.

Para salvar a menina, ele subiu no muro e a garotinha caiu no local.

“Eu escalei a parede e vi que ela poderia cair no telhado de uma casa próximo do complexo, então tentei subir em cima dela”, narrou.

“Consegui, mas não consegui ficar firme porque o telhado estava torto”, acrescentou Manh.

Quando a bebê caiu, ele se assustou e perdeu o equilíbrio, escorregando. Mas, milagrosamente, ele se jogou para frente e a pegou. O impacto da queda foi tão forte que chegou a deixar o telhado amassado.

“Ela se parecia muito com a minha filha em casa. Fiquei tão confuso, só consegui dizer a ela: ‘Por favor, estou aqui agora’”, relatou, emocionado.

Manh entregou a garota a um segurança, que a levou às pressas para um hospital.

“Depois de salvar a menina, saí sem deixar meus contatos, embora a família da menina tenha conseguido falar comigo para me informar sobre o estado de saúde da menina. Não me vejo como um herói. Só quero fazer o bem”, finalizou.

A menina passa bem, mas teve o quadril deslocado por causa da pancada.

Confira o vídeo:

Fonte: Marie Claire

Justiça concede direito de motorista que teve carro apreendido durante blitz por agentes do Detran em RO

De acordo com o Tribunal de Justiça de Rondônia, o veículo estava com o IPVA-2019 atrasado e teve carro guinchado. A determinação foi baseada na lei estadual que proíbe.

A Lei Estadual n. 4.462, de 22 de março de 2019, proíbe a apreensão e a remoção de veículos em função do atraso no pagamento do IPVA. Com esse entendimento, decisão colegiada da 1ª Câmara Especial do Tribunal de Justiça de Rondônia, em recurso de apelação sobre mandado de segurança, manteve a sentença do Juízo da 1ª Vara Genérica da Comarca de Buritis, que determinou ao Departamento Estadual de Trânsito – Detran a imediata liberação de um veículo a seu proprietário, que foi apreendido em uma blitz policial. A ordem da liberação do carro é sem a cobrança do pagamento das taxas de vistoria, taxa de permanência diária, serviço de guincho e taxa de licenciamento anual por exercício vencido, sob pena de multa no valor de R$ 500, em caso de descumprimento da ordem judicial. O veículo estava com o IPVA-2019 atrasado.

Segundo o voto do relator, juiz convocado Jorge Luiz de Moura Gurgel do Amaral, o proprietário do veículo conduzia seu veículo juntamente com a sua família: esposa gestante de oito meses e filho de dois anos e quatro meses, quando foi abordado, no dia 18 de maio de 2019, em uma blitz da lei seca, onde, atendendo as autoridades de trânsito fez teste de bafômetro, apresentou documentos pessoais como a CNH e documentos do veículo, que estava atrasado. “Diante disso foi lavrado o auto de apreensão e remoção do veículo e também aplicado multa.

A situação levou o proprietário do veículo a ingressar com Mandado de Segurança em busca do seu direito para obter o seu veículo – ano 2013 – liberado. Para o relator, a sentença do juízo da causa não merece reparo porque o artigo 5ª, inciso XV da Constituição federal de 1988 assegura a livre locomoção de brasileiros dentro do Território Nacional. Além disso, a Lei 4.462/2019, que está em vigor desde 26 de março de 2019, proíbe ao Detran, DER, Polícia Militar, entre outras autoridades de trânsito, realizar “a apreensão e a remoção de veículos por autoridade de trânsito em função do atraso no pagamento do IPVA e demais tributos, taxas e multas”.

“Como se verifica, pela Lei Estadual fica proibida a apreensão e a remoção de veículos por autoridade de trânsito em função do atraso no pagamento do IPVA e demais tributos, taxas e multas. De modo que, deve o Estado promover as ações necessárias, tais como: inscrição em dívida ativa e, depois, a execução judicial para cobrar o que é devido, sob pena de configurar um verdadeiro confisco, o que não é admitido pela legislação”, explica o voto.

Além do relator, votaram pela manutenção da sentença de 1º grau os desembargadores Gilberto Barbosa e Oudivanil de Marins, durante a sessão de julgamento realizada dia 11 de fevereiro de 2021.

Apelação Cível, sobre Mandado de Segurança, n. 7003747-20.2019.8.22.0021.

Fonte: Assessoria

Motorista reage a assalto, tenta atropelar bandidos e leva tiro no pescoço na zona leste da capital

O motorista  foi colocado num  carro particular e levado  para a Unidade de Pronto Atendimento da zona leste

Porto Velho, RO – Um motorista de caminhão guincho escapou da morte,  no final da noite de quinta-feira (04), ao reagir a um assalto e levar um tiro de raspão no pescoço,  na frente de sua residência localizada na Rua Barão do Solimões,  no bairro São Francisco, região leste de Porto Velho.

A vítima contou que chegava em casa dirigindo o caminhão  quando dois criminosos anunciaram  o assalto. O jovem entregou o  aparelho celular.  Seu irmão viu a ação criminosa e se aproximou.  Quando os ladrões também iam roubá-lo, o motorista acelerou o caminhão para cima da dupla. Um deles  efetuou três tiros. A vítima foi atingida no pescoço, de raspão, e os criminosos fugiram.

O motorista  foi colocado num  carro particular e levado  para a Unidade de Pronto Atendimento da zona leste,  onde recebeu os primeiros socorros e depois foi liberado. Os policiais fizeram o registro da ocorrência.

Fonte: Tudorondonia

Passageira de Uber é feita refém durante roubo no momento da corrida em Porto Velho

A perícia foi acionada e o boletim de ocorrência foi registrado.

Um motorista de aplicativo teve o carro roubado enquanto concluía uma corrida em Porto Velho. A passageira, de 36 anos, foi feita refém pelo suspeitos e jogada para fora do veículo em movimento.

De acordo com o registro da delegacia, uma viatura da polícia fazia uma abordagem a uma motociclista quando três homens em um carro se aproximaram e um deles informou ser motorista de aplicativo. O homem disse aos policiais que teve o carro roubado momentos antes.

O motorista contou que havia pego uma corrida na Zona Sul e quando seguia a viagem na rua Rafael Vaz e Silva quando foi surpreendido por dois homens, cada um com uma faca na mão. Um deles colocou a faca no pescoço do motorista e o ameaçou. Os homens levaram o carro, a carteira com dinheiro, o celular e a passageira como refém.

Depois de ouvir o motorista, a polícia informou o Centro de Integração de Operações Policiais (Ciop) e iniciou a busca pela Avenida Imigrantes. Quando os agentes chegaram na rua Anita Garibald encontraram a passageira, que estava sangrando no chão. Populares informaram que a mulher havia sido jogada do carro.

O veículo roubado foi localizado na mesma rua. A carteira do motorista estava dentro do carro. Os celulares do motorista e da mulher foram levados pelos autores do crime.

A mulher não pôde dar informações sobre o ocorrido pois estava inconsciente. Ela foi socorrida à Policlínica Ana Adelaide com escoriações pelo corpo. A perícia foi acionada e o boletim de ocorrência foi registrado.

Fonte: G1/RO

PRF flagra homem com veículo roubado durante fiscalização

O carro foi apreendido.

Um condutor foi preso na segunda-feira (28) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), após ser flagrado dirigindo um veículo roubado. A abordagem na BR 364, em Porto Velho.

Segundo a PRF, os policiais estavam realizando fiscalizações na rodovia, quando abordaram o motorista.

Na consulta veicular, foi constatado que o veiculo foi roubado no estado de São Paulo.

O motorista recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Porto Velho. O carro foi apreendido.

Fonte: Rondônia Agora