Movimento nos aeroportos devem aumentar devido ao Feriado

São Paulo, Rio de Janeiro e Recife são os destinos mais buscados

Neste feriado de 12 de outubro os aeroportos brasileiros devem receber mais de 713 mil passageiros. Os aeroportos com maior movimentação devem ser o de Brasília, com 129 mil pessoas viajando, e o Santos Dumont (RJ), com 75 mil.

A previsão é do Ministério do Turismo, que realizou levantamento a partir de consultas às empresas administradoras de aeroportos de todo o país. São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e Fortaleza são os destinos mais buscados no feriado.

Como foi o primeiro levantamento feito pelo Ministério do Turismo, não há comparação com outros feriados para aferir os impactos da pandemia e se esses números representam uma retomada.

Mas a diferença pode ser medida com os números dos aeroportos da Infraero. Nestes devem passar 389.135 passageiros no feriado, segundo a empresa. A previsão de dias mais movimentos são hoje (9) e a próxima terça-feira (13). O número de passageiros deste ano representa 41% do registrado no ano passado, quando viajaram nos aeroportos da Infraero 941.411 pessoas.

Pandemia

Neste momento de pandemia, os aeroportos e companhias aéreas permanecem sujeitas a protocolos estabelecidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Entre elas estão a observância do distanciamento de pelo menos dois metros, obrigação de uso de máscaras por passageiros, adoção de equipamentos de proteção individual por trabalhadores e higienização dos aeroportos e das aeronaves.

Fonte: Liliane Farias A/B

Reabertura de comércio tem movimento intenso na Zona Leste

Ruas cheias, lojas com as portas abertas foi esse é o cenário da reabertura das atividades do comércio na região da Zona Leste na capital rondoniense.

Porto Velho, RO – Mesmo com alto índice de mortes por causa da pandemia, a reabertura do comércio e de quase todas as atividades de serviços do setor varejista e atacadista na capital, o que se vê é aglomerações. Ruas cheias, lojas com as portas abertas foi esse é o cenário da reabertura das atividades do comércio na região da Zona Leste na capital rondoniense.

‘Na verdade eu fico com medo, sim, porque está aumentando, mas ao mesmo tempo a gente precisa sair, precisa trabalhar, precisa comprar as coisas para. É uma mistura de medo, mas a gente precisa sair. Mas sempre protegida com máscara’, disse à lojista que prefere não ser identificada. Havia grande movimento na região nesta sexta-feira, 24, após um longo período de fechamento por causa das medidas de contenção da Covid-19.

Apesar das recomendações sanitárias quanto ao cumprimento das recomendações para conter a disseminação do coronavírus, o não uso de mascaras tem preocupado as autoridades locais, sabemos que o combate à pandemia é uma realidade a ser enfrentada para que o quadro não fique fora de controle, admitem agentes de saúde.

Vale ressaltar que o boletim divulgado neste sábado (25), os números de casos confirmados, desde o primeiro registro em 20 de março até hoje, por Covid-19 novas pessoas infectadas pelo vírus, somando 35.573, a letalidade (número de mortes por casos confirmados) foi de 810, já a taxa de recuperados ficou em 24.617. “Por isso as medidas de isolamento social e higiene são essenciais para contermos a pandemia na cidade”.

Sobre o assunto, os agentes de saúde acreditam que, ‘o avanço no número de contágio do coronavirus se deu a partir do afrouxamento das restrições contra a COVID-19’.

Por Xico Nery

Ex-coordenadora do MBL detona movimento: “É uma seita, o objetivo é eleger o Kim presidente” (veja o vídeo)

Cris Viviani fez inúmeras revelações sobre como funciona o sistema do grupo.

Nesta terça-feira, 7, o analista político, Rodrigo Constantino, entrevistou a ex-coordenadora do Movimento Brasil Livre (MBL), Cris Viviani, que afirmou que o movimento ‘é uma seita’.

Segundo a ex-coordenador, o objetivo final é eleger o atual deputado federal e um dos líderes do MBL Kim Kataguiri (DEM/SP) à presidência da República.

“Pra mim hoje está desenhado que o MBL é uma seita cujo objetivo final é eleger o Kim presidente (…) E para isso estão dispostos a vender a alma dele ou de quem quer que seja, até mesmo de pessoas que dependem de uma lagoa que é uma referência Mundial”, disse a ex-integrante.

Cris Viviani fez inúmeras revelações sobre como funciona o sistema do grupo.

Confira:

Cid Gomes é desmascarado por ex-assessor (veja o vídeo)

Cid tenta desesperadamente encontrar culpados para a sua insanidade.

Esta semana o senador Cid Gomes recebeu uma dura lição do jornalista Wellington Macedo, que atuou como seu assessor, quando foi prefeito de Sobral (CE).

Em entrevista para os jornalistas Tales Farias e Carla Araújo, o senador ao comentar sobre o seu ataque com a retroescavadeira contra o movimento de policiais em Sobral, acusou Wellington – que assessorou Damares Alves – de estar no meio da manifestação como funcionário da ministra.

Na realidade, naquela oportunidade, Wellington já não estava mais no ministério e fazia um trabalho para a revista Época, conforme prova no vídeo abaixo.

O jornalista ainda acusa Cid de irregularidades e crimes e dá uma boa ‘refrescada’ na memória do senador.

É algo realmente desmoralizante.

Veja o vídeo: