AfroReggae encerra Novembro Negro com reconhecimento de personalidades atuais e históricas.

AfroReggae marcou o fechamento do “Novembro Negro” com uma celebração especial, reconhecendo figuras significativas para a cultura afro-brasileira, na última quinta (30), em Vigário Geral. A iniciativa, realizada em parceria com a Editora Mostarda e com a colaboração dos atores Dério Chagas e Thiago Hypólito, destacou a história, o legado e as contribuições de personalidades como Zumbi, Conceição Evaristo, Dandara, Lélia Gonzales, e muitos outros.

Paulão Roberto Costa, Produtor Executivo da AfroReggae Audiovisual, ressaltou a importância da iniciativa: “É essencial equipar nossos jovens negros, principalmente aqueles das favelas e áreas periféricas, com ferramentas para combater o preconceito e o racismo estrutural. Estas atividades são fundamentais para a formação e o fortalecimento de sua consciência social e cultural.”

Em favelas e áreas periféricas, mergulhados nos diversos desafios socioeconômicos, essas atividades tornam-se momentos de formação para a vida, focadas na expansão da consciência sobre questões sociais, culturais e educacionais. A conscientização é o elemento central dessas experiências, proporcionando aos jovens e crianças a oportunidade de ampliar seu conhecimento sobre a sociedade e suas narrativas. Por meio dessas atividades, eles são encorajados a se tornarem agentes de mudanças em suas próprias comunidades.

Acredite em seu sonho. Vidas negras importam “, pontuou Dério. O ator distribuiu 9 personalidades negras e explicou cada uma criteriosamente. “Foi emocionante ver que muitas crianças se identificaram com as histórias contadas. Sé de lembrar meu olhos se enchem de lágrimas” Afirmou Karla Soares, coordenadora do projeto.

A coleção “Black Power”, é uma série de livros dedicados a apresentar às crianças e adultos um mundo diversificado e representativo. Essa coleção destaca biografias inspiradoras de importantes figuras negras que deixaram marcas indeléveis na história, incluindo personalidades como Carolina Maria de Jesus, Malcolm X e Angela Davis. Esses ícones, que servem de inspiração para novas gerações, são agora acessíveis aos jovens leitores, promovendo a representatividade e o empoderamento. O nome da coleção, “BLACK POWER”, é uma homenagem ao movimento pelos direitos dos negros que ocorreu nos EUA nas décadas de 1960 e 1970, refletindo em uma luta que, infelizmente, ainda é necessária em vários países, atualmente.

A brincadeira foi tão bem aceita, tamanha a alegria e empolgação das crianças que o AfroReggae já pensa em montar outras atividades nesses moldes. Muitos só conheciam os nomes das lideranças negras, mas sem conhecimento de suas lutas e histórias. A atividade contou com encenação teatral e distribuição de vários livros para cerca de 50 crianças.

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias