Advogado da família de Clezão, atribui a Moraes o cometimento de “3 crimes irrefutáveis” (veja o vídeo)

Ele efetivamente entrou com tudo em busca de que se faça Justiça em razão da morte na Papuda do empresário Cleriston Pereira da Cunha.

E o seu principal alvo é o ministro Alexandre de Moraes.

Em audiência no Congresso Nacional, perante inúmeros parlamentares, Pavinatto apontou ‘3 crimes irrefutáveis’ praticados pelo magistrado.

 – Maus tratos na forma qualificada;

– Abuso de autoridade por prisão preventiva ilegal;

– Tortura.

Ousado, apontou a pena: 10 a 31 anos de prisão.

A denúncia já foi devidamente entregue à PGR e está nas mãos da procuradora Elizeta Ramos.

Veja o vídeo:

 

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias