Não há mais esperança: “Todos estão mortos”

A Polícia Militar de São Paulo confirmou que os quatro tripulantes do helicóptero desaparecido desde o dia 31 de dezembro foram encontrados mortos em Paraibuna, no interior do estado.

O Coronel Ronaldo Barreto de Oliveira, comandante da Aviação da Polícia Militar de SP, declarou:

“Todos estão mortos”.

Os destroços do helicóptero Robinson 44, de prefixo PR-HDB, foram encontrados em uma região de mata fechada pela PM paulista, no 12º dia de buscas.

Estavam a bordo o piloto Cassiano Teodoro, de 44 anos, além dos três passageiros: Raphael Torres, 41; Luciana Rodzewics, 45, e Letícia Ayumi, 20

O helicóptero partiu do Campo de Marte, na capital paulista, em direção a Ilhabela, no litoral norte, na véspera do Ano-Novo. O último registro no radar foi por volta de 15h20 do dia 31 de dezembro.

“Após 12 dias de buscas, a PM encontrou o helicóptero desaparecido. Esse encontro foi possível graças a um trabalho multiagências. Estão todos mortos. A gente gostaria de dar uma notícia diferente, mas todos estão mortos. Foram identificados quatro corpos na aeronave”, disse o coronel Ronaldo Barreto de Oliveira.

Source: JCO

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias