PM prendeu líderes de facções nos últimos dias e diz que estuda criação de batalhão especializado

Em coletiva de imprensa, na manhã desta sexta-feira (), o comandante geral da Polícia Militar, coronel Regis Braguin, repassou os dados das operações das forças policiais, no combate a criminalidade, que estão sendo realizadas em Rondônia, com destaque para prisão de líderes de facções criminosas.

O comandante afirmou que estudos estão avançando para a criação do batalhão especializado da PM, que vai combater as facções criminosas, em todo o estado.

Somente nas últimas horas, as forças policiais, capturaram foragidos em todo o estado, sendo somente em Porto Velho, sendo líderes de facções criminosas.

Nas abordagens realizadas em pontos estratégicos, os policiais conseguiram apreender armas de fogo, incluindo uma metralhadora, que estava sob o poder de faccionados.

Outro ponto positivo das operações, são as apreensões de droga, chegando a quase mil quilos.

Após a onda de ataques a tiros, que resultou em mortes e tentativas de assassinato, na capital, e no interior do estado, as forças policias se uniram e criaram um gabinete de crise da segurança pública, cessar os crimes que estavam assustando toda a população. Para dar uma reposta rápida a sociedade, se uniram a Polícia Militar, Civil, Penal, Polícia Rodoviária Federal, Semtran e Detran, todos unidos para acabar com os ataques, que aconteciam principalmente na capital.

Barreiras foram montadas em pontos estratégicos da capital, realizando abordagens a pessoas, para identificar foragidos ou aprendes armas e vistoriando veículos.

As ações foram direcionadas principalmente nas proximidades dos condomínios populares, como Orgulho do Madeira, Morar Melhor, Porto Madero, Porto Belo e entre outros empreendimentos.

Os trabalha ganham força e vão continuar, segundo o comandante geral da PM. “Nossas equipes vão continuar nas ruas, com o mesmo empenho de sempre. Agora, os trabalhos avançam para que os autores dos crimes ocorridos na capital, e interior, sejam todos responsabilizados e presos”, disse o Comandante Geral da PM.

A População pode ajudar as forças policiais, realizando denúncias anônimas, ligando no da Polícia Civil ou da Polícia Militar.

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias