Barco Saúde inicia primeira viagem do ano para atendimento aos ribeirinhos

Em sua primeira viagem de 2024, o Barco Saúde Dr. Floriano Riva Filho partiu no domingo (18) rumo ao baixo Madeira para uma jornada de nove dias. O objetivo da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) é ampliar e facilitar o atendimento médico básico e especializado para os distritos de Calama, Nazaré, São Carlos e mais 12 comunidades adjacentes.

Serão realizados atendimento médicos com clínico geral, ortopedista, ginecologista e pediatras, além de serviços de enfermagem, vacinação, educação em saúde, dispensação de medicações, puericultura, exames laboratoriais básicos e atendimento psicológico.

A embarcação deixou Porto Velho com uma equipe de 30 profissionais, e seguiu direto para Calama, onde permanece dois dias atracada para os atendimentos, que iniciam nesta segunda-feira (19).

PROJETO

O projeto do Barco Saúde foi criado pela Semusa para reforçar os trabalhos das unidades de saúde das localidades e das vilas que se encontram às margens do rio Madeira. Sempre que o barco se desloca, leva consigo médicos especialistas para suprir as necessidades locais, já que as unidades contam com médicos generalistas.

Originalmente inaugurada em 2004, a embarcação permaneceu inativa por muitos anos, resultando em vários danos. A revitalização foi uma das principais prioridades durante o primeiro mandato do prefeito Hildon Chaves. Cerca de R$ 1,2 milhão foi investido, com aproximadamente R$ 900 mil provenientes dos cofres municipais.

Atualmente, a embarcação está equipada com uma farmácia, laboratório e cinco consultórios médicos, odontológicos e de enfermagem, além de uma enfermaria para a observação de pacientes. Desde a sua reativação, mais de 40 mil atendimentos já foram realizados nas comunidades às margens do rio Madeira.

Durante a saída da embarcação, o prefeito destacou a importância do equipamento para assegurar serviços de saúde de qualidade à população ribeirinha de Porto Velho. “Essa missão vai durar aproximadamente sete dias. A expectativa, tomando como base as missões anteriores, é de atendermos aproximadamente de 8 a 10 mil pessoas nas diversas comunidades do rio Madeira. Este barco ficou paralisado por muitos e muitos anos, e em 2021, foi completamente revitalizado. A partir daí foi possível entregar este barco para a população, e não é só saúde que nós estamos levando, nós estamos levando dignidade e respeito para todos os habitantes do baixo Madeira”, enfatizou.

Eliana Pasini, secretária municipal de Saúde, aponta que “a Semusa tem investido muito para que o barco tenha condições de navegabilidade, pois a população ribeirinha conta com ele e precisa dos atendimentos mais especializados. É uma grande estrutura de pessoal mobilizada para esse suporte”.

A diretora do Departamento de Atenção Básica (DAB), Fabíola Barros, reforça que a presença da embarcação encurta a distância dos moradores a alguns serviços de saúde.

“O Barco Saúde possibilita que os moradores das comunidades ribeirinhas recebam cuidados médicos, incluindo consultas e tratamentos especializados, que muitas vezes não seriam possíveis por dificuldades de distância e deslocamento. Assim, garantimos um tratamento mais eficaz, reduzindo a incidência de complicações”, afirma.

CRONOGRAMA DE ATENDIMENTOS

19 e 20 de fevereiro, a partir das 8h – atendimento em Calama
22 e 23 de fevereiro, a partir das 8h – atendimento em Nazaré
24 e 25 de fevereiro, a partir das 8h – atendimento em São Carlos

Source: SMC
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
×

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Canal de denúncias