Fale conosco pelo WhatsApp(69) 99916-3250

Bandidos assaltam homem e roubam cerca de R$ 50 mil em agência bancária de Porto Velho

Suspeito armado fugiu com comparsa em uma moto e não foi localizado. Caso aconteceu nesta segunda-feira (19) em uma agência do centro da cidade.

Um homem de 43 anos foi vítima de um assalto nesta segunda-feira (19) quando chegava a uma agência bancária de Porto Velho para depositar R$ 50 mil. Um ladrão armado o abordou quando estacionava próximo ao Banco da Amazônia, na Avenida Sete de Setembro.

Segundo a ocorrência policial, o criminoso usou uma pistola para ameaçar o cliente do banco e exigir a entrega do valor. A vítima ainda tentou correr, mas a bolsa com o dinheiro acabou caindo e foi recolhida pelo suspeito.

O cliente contou aos policiais que o dinheiro era fruto do faturamento do fim de semana em um posto de gasolina, na Zona Norte da cidade.

Em seguida, o assaltante correu para a esquina, onde um comparsa o esperava e os dois fugiram em uma motocicleta, conforme relato da vítima.

A Polícia Militar (PM) foi chamada, mas os suspeitos não foram localizados. O caso foi registrado para investigação na Delegacia Especializada na Repressão a Roubos e Furtos da capital.

Fonte: G1/RO

Polícia federal apreende suspeito com 2kg de cocaína no aeroporto Jorge Teixeira

Droga estava presa no corpo de suspeito. Apreensão ocorreu após denúncia anônima.

A Polícia Federal (PF) prendeu na tarde desta sexta-feira (2) um homem com cerca de 2 kg de cocaína no Aeroporto Internacional Jorge Teixeira, em Porto Velho, após denúncia anônima.

Segundo os agentes, o suspeito estava com o entorpecente preso ao corpo.

Suspeito detido no aeroporto de Porto Velho tinha 2kg de cocaína presa ao corpo.  — Foto: Divulgação/PF
Suspeito detido no aeroporto de Porto Velho tinha 2kg de cocaína presa ao corpo.

O destino final do suspeito era a cidade de Fortaleza (CE) e foi surpreendido pelos policiais federais durante revista rotineira.

Após a abordagem, o homem foi encaminhado à sede da PF. Na sequência, passou por exame de corpo de delito e enviado ao sistema prisional do estado, onde permanece à disposição da Justiça.

Fonte: G1/RO

Homem é preso comercializando drogas em construção na zona leste de Porto Velho

Através de denúncias anônimas suspeito foi preso.

Equipes do Departamento de Narcóticos (Denarc), flagrou nesta quinta-feira (24), o suspeito Márcio M. S. de 36 anos com várias porções de drogas em uma construção, localizada na Rua Londrina, Bairro Porto Cristo, na Zona Leste de Porto Velho.

De acordo com os agentes, após receberem informações através de denúncias anônimas, foram até o local e encontraram o criminoso comercializando droga em uma construção, que fica na frente de uma igreja evangélica.

Polícia apreende homem com vários porções de drogas na zona leste de Porto Velho

As investigações iniciaram, os policiais montaram uma campana nas proximidades do local e abordaram o suspeito, e durante a varredura, os investigadores encontraram várias porções de cocaína, maconha e crack.

Os policiais apuraram ainda, que Márcio já tinha sido preso pelo Denarc em 2005, pelo mesmo crime. Ele recebeu voz de prisão, e foi encaminhado para a delegacia, onde ficou à disposição da justiça.

Fonte: polícia Civil

Homem é achado morto com faca cravada no pescoço

Corpo foi encontrado pelo próprio filho da vítima, que chegava na residência em Ariquemes.

Um idoso de 65 anos foi morto a facadas, na noite de terça-feira (25), em uma casa da rua Vale do Anari em Ariquemes (RO), Vale do Jamari. O filho da vítima foi quem encontrou o corpo, que tinha uma faca cravada no pescoço. A vítima foi identificada como José Braz Teixeira.

– Aos policiais militares, o filho de José Braz contou que, ao entrar na residência, já encontrou seu pai ensanguentado e caído no chão.

Ele então chamou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas, ao chegarem no local, os médicos constataram que o idoso não tinha mais sinais vitais.

A PM também foi na casa, acompanhada da perícia. Na ocasião, foi constatado que José foi morto com duas facadas na costa e a faca usada no crime foi deixada ‘cravada’ no pescoço da vítima.

No quintal da residência foi localizada uma bicicleta (possivelmente pertencente ao autor do homicídio). O veículo foi apreendido e levado à Unisp de Ariquemes.

O corpo de José foi liberado ao IML após o local do crime ser periciado. A PM afirma que não havia testemunha que pudesse indicar quem seria o suspeito do assassinato.

– A morte de José Braz deve ser investigada pela Delegacia de Homicídios.

Fonte: G1/RO

Homem ateia fogo em carro e incêndio acaba atingindo reserva biológica

Caso aconteceu em Petrópolis-RJ, Incêndio atinge reserva biológica em Petrópolis há 2 dias. Segundo a polícia, este é o maior incêndio registrado na região.

Incêndio começou na madrugada de segunda em Petrópolis após homem colocar fogo em veículo — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
Incêndio começou na madrugada de segunda em Petrópolis após homem colocar fogo em veículo

Um homem de 66 anos foi preso na segunda-feira (27) suspeito de atear fogo no próprio carro para conseguir receber o dinheiro do seguro do veículo. As chamas se alastraram e já atingiram pelo menos 10 mil metros quadrados de vegetação na Reserva Biológica de Araras, em Petrópolis, na Região Serrana do Rio.

Segundo a Polícia Civil, este é o maior incêndio registrado em Petrópolis neste ano.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio começou ainda na madrugada de segunda, por volta das 3h30, e se alastrou. Um trabalho para tentar conter o fogo começou pela manhã e já dura dois dias.

A previsão é de que o incêndio seja controlado em três dias.

Nesta terça-feira (28), uma força-tarefa composta por 68 agentes do Corpo de Bombeiros, INEA, ICMBio, IBAMA, Defesa Civil Municipal e GCM atua em duas frentes de combate ao incêndio.

As equipes estão divididas entre as áreas de Cobiçado, na entrada do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, e a Rebio Araras. Ao todo, 18 viaturas e uma aeronave são utilizadas na ação.

Força-tarefa foi montada para combater incêndio florestal em Petrópolis, no RJ — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
Força-tarefa foi montada para combater incêndio florestal em Petrópolis, no RJ

De acordo com os bombeiros, a aeronave é usada para deixar as equipes na área de mata e fazer o combate ao incêndio com o lançamento de água. Por terra, cinco viaturas foram enviadas por trilha para efetuar o combate.

Segundo a Polícia Civil, o homem compareceu à 106ª DP, às 8h desta segunda-feira, para registrar o roubo do veículo. Os policiais desconfiaram da versão apresentada e, de imediato, começaram as investigações.

No local onde o carro foi incendiado, os policiais constataram que o incêndio de grandes proporções teve início devido ao veículo incendiado.

Uma equipe da polícia recolheu imagens de monitoramento do local enquanto outra equipe recolhia imagens de monitoramento de postos de combustíveis de municípios vizinhos.

Incêndio na Rebio de Araras é o maior incêndio registrado em Petrópolis em 2020 — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
Incêndio na Rebio de Araras é o maior incêndio registrado em Petrópolis em 2020

Após visitar 20 postos de combustíveis, os policiais identificaram que o suspeito comprou um galão de gasolina no dia anterior no município de Três Rios. Segundo a polícia, a gasolina foi usada para iniciar o incêndio.

O homem foi preso às 13h e autuado em flagrante pelos crimes de estelionato tentado e incêndio.

Segundo o delegado titular da 106ª DP, João Valentim, o homem será encaminhado para o presídio de Benfica nesta quarta-feira (29). Somadas, as penas dos crimes podem chegar a 15 anos de prisão.

Fonte: G1

Homem é detido com arma de choque por estar sem máscara (veja o vídeo)

Momento em que os agentes disparam as armas de choque contra o cidadão

Viralizou na internet um vídeo onde a Guarda Municipal do Rio de Janeiro usou uma arma de choque para conter um homem que teria se recusado a usar máscara de proteção neste domingo, dia 19, à tarde na praia de Copacabana, zona sul do Rio.

O vídeo de 3 minutos, gravado pelos próprios guardas, mostra o momento da abordagem, feita por três agentes.

O rapaz agredido grita:

“Peraí, eu não tô fazendo nada.”

Em seguida, os guardas pedem que ele se acalme. Mas a discussão continua. Um dos guardas aplica um golpe de mata-leão no rapaz, que consegue se desvencilhar, deixando os agentes no chão.

“Cara, arma de choque“, ordena um dos agentes.

Após o uso da arma, o rapaz é algemado e conduzido para o veículo da Guarda.

Informações dão conta de que ele foi conduzido para a 12ª DP (Copacabana), onde foi autuado pelos crimes de “desacato, desobediência e resistência”.

Segundo os agentes, o rapaz xingou a equipe em patrulhamento na areia, que pediu o seu documento de identidade para notificá-lo pela infração.

Até a última sexta-feira, dia 17, a Guarda Municipal registrou 2.233 infrações sanitárias, 1.532 delas pela falta do uso de máscara, obrigatória na cidade. Só nas praias da zona Sul e Oeste do Rio o órgão autuou 81 pessoas por estarem sem máscara na areia neste fim de semana.

Veja o vídeo do acontecimento:

Fonte: Uol

João Durval, o homem que quebrou o Clube Vera Cruz, se lança pré-candidato à prefeitura de Ji-Paraná

Adversários dizem que o médico empresário pretende ter o mesmo carinho com o município

A novidade política em Ji-Paraná é a pré-candidatura a prefeito do médico empresário João Durval. Um conhecido ex-dependente químico se encarregou de atacar os adversários políticos de Durval, gravando áudios agressivos, colocando fogo na disputa antes mesmo de qualquer anúncio de convenção partidária.

João Durval

O cargo mais importante que João Durval já ocupou foi o de presidente do Clube Vera Cruz. Foi nessa época que o clube quebrou. A energia elétrica chegou a ser cotada, por isso parte de sua estrutura teve que ser vendida para pagar essa e mais algumas contas.

Recuperado emocionalmente do desastre como administrador, João Durval está de volta ao cenário político. O grupo que o apoia aposta nos problemas que o prefeito Marcito Pinto teve com a Polícia Federal para que o número de candidatos seja reduzido.

Paralelamente, um ex-dependente químico começou a gravar áudios atacando outros eventuais pré-candidatos à prefeitura de Ji-Paraná. Em uma dessas gravações é possível ouvir a voz de João Durval ao fundo.

Como a política também obedece às leis da física, a ação do ex-dependente químico gerou uma reação. Potenciais adversários de João Durval passaram a dizer que, não contente em ter quebrado o Vera Cruz, o médico empresário agora se prepara para quebrar a prefeitura. Se eleito, dizem, ele dará ao município o mesmo tratamento dado ao clube, Vera Cruz.

da Redação/CN

Homem é executado com tiro à queima roupa na zona sul de Porto Velho

A polícia foi acionada e ao entrarem na casa, os policiais se depararam com o corpo do homem.

Um homem de 41 anos foi assassinado na manhã desta terça-feira (16), com tiros de arma de fogo na frente de sua residência no Bairro Castanheira, Zona Sul de Porto Velho. A filha da vítima presenciou o momento em que o pai morreu na sala da casa.

No portão da residência da vítima foram localizadas duas perfurações feitas por disparos de arma de fogo. Ao entrarem na casa, os policiais se depararam com o corpo do homem.

Conforme o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada a comparecer no local, pois moradores haviam ouvido disparos de arma de fogo. Ao chegarem no local, o irmão da vítima disse aos policiais que vizinhos haviam ouvido os disparos por volta das 7h30 desta terça-feira (16).

A filha da vítima, que não teve a idade identificada no boletim, estava no local. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e a equipe médica constatou o óbito.

Aos policiais, a menina disse que estava dormindo quando ouviu alguém chamar o pai dela no portão em frente de casa. Pouco depois ela ouviu os disparos e logo depois o pai dela entrou ferido na casa e morreu.

Foi constatado pela equipe médica do Samu, que a vítima tinha duas perfurações, uma no braço direito e outra no abdômen. O irmão da vítima contou aos policiais que o homem era usuário e drogas.

O caso foi encaminhado à Delegacia de Homicídios em Porto Velho para investigação.

Fonte: Rede Amazônica