Em discurso histórico, Michelle desmoraliza Lula, sem piedade (veja o vídeo)

Durante evento do PL Mulher em Porto Alegre, a ex-primeira-dama, Michelle Bolsonaro, discursou e explicou a necessidade da participação na política.

“Eu tinha aversão à política, porque eu sempre achei que política não era lugar de pessoas de bem. E por muito tempo nós negligenciamos esse lugar. Nós, cristãos, a gente não queria misturar política com religião. E foi onde nós demos espaço para o mal”, disse.

Ela lembrou que Bolsonaro resgatou o espírito patriótico e permitiu a comparação entre um governo do bem e um do mal.

“O governo atual é um desgoverno que prega o que não vive, que prega o comunismo, o socialismo, mas ama o que o capitalismo pode oferecer. Isso é muito triste, porque acabam tirando do povo, tira da boca do seu filho, para mandar para fora.

Não cuida da segurança. (…) É um desgoverno que só pensa em si mesmo, que, na época da campanha, tem os discursos mais lindos, mas, na prática, esquece o povo. Vivem para si mesmos”.

Michelle continuou:

“Nós estamos aqui para dizer que nós vamos fazer uma política honesta, uma política limpa. Estamos vivendo um novo momento no Brasil. Deus permitiu vivermos esse momento para poder comparar. Essas máscaras tinham que cair. (…) Esses dias a ‘dama do tráfico’ estava lá em Brasília. Por quê? Por que o ministro pode entrar na favela sem segurança?”.

Ela lembrou que a eleição de Lula foi comemorada nos presídios e questionou:

“Será que é por isso que o ministro dele consegue entrar numa favela sem ter segurança? Será que é por isso que ele abre as portas do ministério para receber a ‘dama do tráfico’?”

Confira:

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias