O efeito Milei já começou e a Argentina vê algo surpreendente eclodir

Após a eleição de Javier Milei para a presidência da Argentina, o mercado de ações do país experimentou um aumento significativo.

Na terça-feira, as negociações começaram com uma alta superior a 20%, refletindo ajustes pós-eleitorais e a reação positiva dos mercados externos, especialmente considerando o feriado local na segunda-feira.

O índice S&P Merval de Buenos Aires registrou um aumento de 20,81%, alcançando 779.348,90 pontos às 11h03 (horário de Brasília). Esse salto foi impulsionado principalmente pelas empresas de energia, que lideraram os ganhos no ajuste de preços após o feriado.

As ações das empresas argentinas listadas nos Estados Unidos tiveram um desempenho ainda mais notável na segunda-feira, com elevações de até 40%. A petrolífera YPF esteve entre as que mais se valorizaram.

No entanto, a abertura do mercado viu o peso argentino em queda.

De acordo com operadores, a moeda oficial estava sendo negociada a 356,10 pesos (R$ 4,89) por dólar, uma desvalorização de 0,59%, nos primeiros negócios do dia, em meio a uma regulação da liquidez pelo banco central.

Algo surpreendente!

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias