Começam as demissões na Record e atingem jornalista com doença rara

Conforme noticiado pelo Jornal da Cidade Online, a Record prepara uma série de demissões. Um dos primeiros foi o jornalista Arnaldo Duran, dispensado pela Record nesta sexta-feira (29).

Duran, que sofre da rara doença degenerativa Síndrome de Machado-Joseph, fazia parte do time do programa Domingo Espetacular. A demissão foi explicada pela emissora como uma medida de redução de custos.

Duran ficou espantando com a notícia.

“Estou ainda processando a informação. Fui informado que se tratava de uma decisão administrativa, uma medida de corte de gastos, e que meus superiores não tiveram influência nessa escolha”, disse o jornalista.

A trajetória de Arnaldo Duran no jornalismo é extensa e diversificada. Iniciando sua carreira aos 13 anos como locutor mirim na Rádio Piratininga, interior de São Paulo, ele passou por diversas rádios e jornais a partir de 1973.

Em 1983, ingressou na Globo de Bauru e, posteriormente, mudou-se para São Paulo. Após sair da Globo, Duran trabalhou na TV Manchete, no Rio, e teve duas passagens pela Record, além de experiências no SBT e na CBS Telenotícias, nos EUA.

 

Source: JCO

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias