Apoiadora de Lula, ex-candidata do PCB é presa por “ameaça terrorista”, todos emudecem e ela é solta em seguida

Um fato ocorrido no dia 8 de janeiro está sendo solenemente ignorado pela velha e putrefata mídia brasileira. As autoridades, inclusive o ministro Alexandre de Moraes, também silenciaram.

Uma mulher foi presa na tarde de segunda-feira (8) na área externa do prédio do Supremo Tribunal Federal (STF) durante a realização do ato denominado “Democracia Inabalada”, organizado pelo governo Federal, STF e presidência do Congresso em alusão aos protestos do dia 8 de janeiro de 2023.

Agentes da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foram acionados porque a mulher estava ameaçando contaminar o ambiente com antraz, um agente biológico utilizado em ataques terroristas.

Ela também praticou o crime de desacato contra os policiais militares e judiciários e foi conduzida à 5ª Delegacia de Polícia Civil. O caso, posteriormente, foi encaminhado à Polícia Federal (PF).

Imaginem se fosse uma apoiadora do ex-presidente Bolsonaro. A velha mídia faria o maior estardalhaço e essa mulher certamente seria condenada a uma pena de 17 anos de prisão, no mínimo.

Mas não era. A “terrorista” era uma apoiadora do descondenado, professora de história no Distrito Federal e ex-candidata a deputada federal pelo Partido Comunista Brasileiro (PCB).

Dentro do veículo da mulher, os agentes localizaram um spray de pimenta e uma máquina de choque.

Na PF, após ser identificada como militante de esquerda, a tal professora foi imediatamente liberada e seu nome não foi divulgado.

Por outro lado, nenhum dos atores que discursaram no “ato democrático” organizado por Lula, que defenderam um combate com tolerância zero à violência contra as instituições, manifestou-se sobre a agressão cometida pela apoiadora do presidente com ameaça de uso de arma biológica – que na verdade se tratava de um spray de pimenta.

Ela não portava Bíblia. Talvez, tenha sido esse o  motivo de sua imediata liberação.

Source: JCO

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias