Na Bahia militantes do MST fecham a BR 101

Um grupo de militantes do Movimento dos trabalhadores Sem Terra (MST) fechou a BR 101 na Bahia, em diversos pontos.

O MST alega que a ação é em solidariedades aos indígenas Pataxo Hã Hã Hão.

Neste domingo (21), na Terra Indígena Caramuru-Catarina Paraguassu, no sul da Bahia, uma indígena foi assassinada e outras pessoas ficaram feridas após disparos de arma de fogo.

O conflito teve início entre os indígenas, que ocupavam a Fazenda Inhuma, no município de Potiraguá, e os fazendeiros que reivindicam a posse da área.

Segundo informações, cerca de 200 ruralistas da região se mobilizaram após receberem um chamado via WhatsApp para recuperar a posse da Fazenda Inhuma por meios próprios. O grupo se autodenomina Movimento Invasão Zero.

Ontem à tarde, dois fazendeiros foram presos em flagrante. Eles foram autuados por homicídio e tentativa de homicídio. Quatro armas de fogo foram apreendidas com eles.

Um indígena também foi detido portando uma arma artesanal. Segundo a Polícia Militar, um fazendeiro foi ferido por uma flecha no braço.

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias