PF faz buscas contra grupo criminoso em Rondônia e Mato Grosso

A Polícia Federal deflagrou, nesta quinta-feira (25), a segunda fase da operação Old Pension, para dar cumprimento a 6 mandados de busca e apreensão, nas cidades de Vilhena, Cerejeiras, Ji-Paraná e Cuiabá/MT, todos expedidos pela Justiça Federal de Vilhena.

Segundo a PF disse em nota, a operação visa desarticular grupo criminoso, especializado em fraudes previdenciárias em Rondônia e Mato Grosso. A primeira fase da operação foi realizada em 27 de julho de 2022.

De acordo com as investigações, eram inseridos dados falsos nos sistemas do INSS para a concessão de direitos previdenciários, que eram pagos, com valores retroativos por benefícios como pensão por morte ou amparo social à pessoa com deficiência. Os valores eram creditados em contas de terceiros que não tinham qualquer relação com os verdadeiros beneficiários dos recursos.

Estima-se que o prejuízo causado aos cofres do INSS ultrapasse R$ 4,6 milhões.

Diante da situação os suspeitos poderão responder, na medida de sua participação, pelos crimes de estelionato qualificado, falsidade material e ideológica, bem como associação criminosa, cujas penas somadas podem ultrapassar 30 anos de prisão.

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias