Jean Oliveira defende produtores rurais e denuncia possível cartel dos grandes frigoríficos em Rondônia

Deputado Jean Oliveira (MDB) (Foto: Antônio Lucas I Secom ALE/RO)

Durante a sessão ordinária nesta terça-feira (12), o vice-presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia (Alero), deputado estadual Jean Oliveira (MDB) desabafou ao receber a notícia de que mais três plantas frigoríficas de Rondônia foram credenciadas para exportar para a China.Para o parlamentar, o momento que deveria ser de alegria acaba se tornando em tristeza. “A melhor remuneração pela carne bovina vem da China, mas o produtor rural de Rondônia, sobretudo na pecuária, não está observando vantagem nessas indústrias estarem exportando para a China. Nós temos o pior preço da arroba de boi do Brasil, e aí a desculpa sempre é o mercado”, desabafou.

Segundo o deputado Jean Oliveira, o monopólio do preço da arroba do boi no estado tem prejudicado os produtores rurais. “Acontece que Rondônia tem como sua principal commodity a carne, que é, com certeza, regulada pelo mercado o preço. Estamos dizendo que a falta de reconhecimento do valor real da carne de Rondônia impacta diretamente nas contas do estado”, frisou.

Para o parlamentar, é inadmissível que a indústria rondoniense esteja pagando quase 15% a menos pelo gado rondoniense, comparado ao estado de São Paulo. “Há três anos atrás, o gado de São Paulo e de Rondônia praticamente tinha o mesmo preço. Desde então, os preços diminuíram, e os argumentos da indústria frigorífica para tentar convencer o pecuarista são o mercado, é a oferta excessiva de gado”, comentou.

Ainda em seu pronunciamento, Jean Oliveira denuncia que diversas plantas frigoríficas estão fechadas por conta do monopólio, do cartel dos grandes frigoríficos. “São indústrias frigoríficas que foram compradas inclusive com o dinheiro do BNDES, que tem sua função de desenvolvimento econômico e social. Como podemos aceitar que o dinheiro público foi utilizado para financiar a compra de uma planta que tinha como objetivo gerar emprego e renda no estado de Rondônia e que hoje está fechada para poder manter o cartel de grandes empresas?”, questionou.

O deputado lamentou que essas empresas ganham incentivos e estão judiando e massacrando o produtor rural rondoniense. “Estamos entregando nossa ‘galinha dos ovos de ouro’ nas mãos desse cartel. O estado não está fazendo nada, pelo contrário, continua incentivando. Não dá para aceitar que essas empresas não reconheçam o suor do nosso produtor rural. Se está ruim no Brasil, o preço da carne em Rondônia está muito pior e deve ser culpa das indústrias frigoríficas”, desabafou.

 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
× Canal de denúncias