Controlada por Ipad, colheitadeira mais cara do Brasil custa R$ 3 milhões (Assista)

A colheitadeira mais cara e também mais tecnológica em uso no Brasil pode ser controlada por um iPad.

É o que mostra a reportagem publicada pelo site Comprerural, revelando que a indústria de máquinas agrícolas está constantemente inovando e surpreendendo o mercado com equipamentos cada vez mais avançados e eficientes.

Produzida pela Fendt, uma das líderes em tecnologia no setor agrícola, o modelo – Fendt Ideal – está entre os mais avançados do mundo,

Com sua capacidade de processamento de hélice, disponível em configurações simples ou duplas, a Fendt Ideal é projetada para oferecer eficiência energética, aumentando o rendimento e garantindo a qualidade superior dos grãos e a condição ideal da palha.

Entre os modelos oferecidos pela série Ideal, destacam-se o Ideal 8 e o Ideal 9. Com motores potentes de 401 kW e 656 cavalos, respectivamente, essas colheitadeiras garantem desempenho robusto e confiável em qualquer situação.

Os tanques de grãos têm capacidades que variam de 12.500 a 17.100 litros, eliminando a necessidade de paralisações no trabalho para esvaziamento e permitindo jornais mais estendidas de colheita.

As máquinas tem um preço inicial estimado em cerca de R$ 3 milhões, representando um investimento considerável para os agricultores brasileiros, mas que pode, segundo a empresa, ser compensado com o aumento da produtividade.

Para saber mais sobre este impressionante equipamento, um vídeo foi produzido, trazendo mais dados e todos os detalhes destas gigantes tecnológicas.

Confira:

 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
×

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Canal de denúncias