Ministro do Esporte solicita à CBF paralisação do Campeonato Brasileiro

Foto: Divulgação; Reprodução/Instagram

O ministro do Esporte, André Fufuca, encaminhou um pedido ao presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ednaldo Rodrigues, nesta sexta-feira (10), solicitando a suspensão do Campeonato Brasileiro de futebol devido às intensas chuvas que afetam o Rio Grande do Sul.

Na quinta-feira (9), Fufuca já havia anunciado sua intenção de pedir a paralisação do torneio, com o objetivo de direcionar a atenção nacional para as adversidades enfrentadas pela população gaúcha.

“Em razão de tão fortes chuvas que atingem o RS desde o dia 29/04/2024 e, sendo de amplo conhecimento a tragédia que se instaura naquele estado, entende-se também que todo o país está envolvido no apoio aos jogadores e familiares, bem como a toda a população daquela região. Estas são as razões da presente solicitação, para que seja paralisado do Campeonato Brasileiro de Futebol deste ano de 2024”, afirmou o ministro no documento encaminhado à CBF.

Fufuca não especificou uma duração para a suspensão proposta no campeonato. O estado do Rio Grande do Sul é representado por três equipes na Série A do Brasileirão: Internacional, Grêmio e Juventude, além de outras equipes nas divisões inferiores.

Os clubes gaúchos da primeira divisão já haviam pedido a paralisação do Campeonato Brasileiro.

Estádios alagados

Grêmio e Internacional enfrentaram danos significativos devido à enchente histórica no estado, com os campos do Beira-Rio e da Arena do Grêmio em Porto Alegre inundados durante o fim de semana.

Anteriormente, os centros de treinamento dos times já haviam sido afetados pelas inundações, dificultando os treinos das equipes.

Em Caxias do Sul, o Juventude conseguiu retomar os treinamentos, embora enfrentasse problemas logísticos devido ao fechamento do Aeroporto Salgado Filho em Porto Alegre, complicando tanto os deslocamentos para jogos fora quanto a recepção de equipes visitantes.

A CBF anunciou na terça-feira (7) o adiamento dos jogos das equipes gaúchas por 20 dias.

Esses adiamentos ocorreram após o agravamento da situação no estado por causa das enchentes e o fechamento do Aeroporto Salgado Filho, que deve permanecer inoperante por pelo menos um mês. A CBF optou por estender o adiamento para as próximas rodadas do campeonato.

Na sexta-feira, os três clubes gaúchos, através da Federação Gaúcha de Futebol, pediram o adiamento das partidas por 20 dias. Houve pressão para que toda a 6ª rodada do Brasileirão fosse adiada, marcada para o fim de semana, mas a CBF decidiu continuar com a competição, excluindo as equipes gaúchas.

Os jogos do Brasileirão adiados:

11/05 – Atlético-MG x Grêmio (6ª rodada)

13/05 – Inter x Juventude (6ª rodada)

19/05 – Grêmio x Bragantino (7ª rodada)

19/05 – Cuiabá x Inter (7ª rodada)

19/05 – Fluminense x Juventude (7ª rodada)

25/05 – Inter x São Paulo (8ª rodada)

26/05 – Juventude x Vitória (8ª rodada)

a definir – Flamengo x Grêmio (8ª rodada)

Os jogos da Copa do Brasil adiados:

10/05 – Inter x Juventude (3ª fase Copa do Brasil – ida)

22/05 – Grêmio x Operário (3ª fase Copa do Brasil – volta)

22/05 – Juventude x Inter (3ª fase Copa do Brasil – volta)

A medida afeta também os times gaúchos que disputam as séries C e D do Brasileirão, bem como as três divisões do Brasileirão Feminino, Brasileiro Masculino Sub-20 e Brasileiro Feminino Sub-20. Como a Série B não inclui times do Rio Grande do Sul, essa competição permaneceu inalterada.

Os clubes gaúchos também tiveram suas partidas adiadas em competições internacionais. A Conmebol postergou o jogo do Grêmio contra o Huachipato, no Chile, pela Libertadores, e o confronto do Internacional contra o Real Tomayapo, na Bolívia, pela Sul-Americana.

Os clubes esperam que decisões semelhantes sejam aplicadas às próximas rodadas dessas competições.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
×

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Canal de denúncias