Casal foi brutalmente assassinado com arma de fogo exclusiva das forcas armadas

O Suspeito continua foragido.

Na noite da última quarta-feira, um casal foi brutalmente assassinado em Porto Velho. O crime chocou a comunidade local, não apenas pela violência, mas também pelo uso de uma arma de fogo de uso restrito. Os Policiais da 2ª Delegacia de Homicídios de Porto Velho investigam o assassinato do casal Jaiane Lemos de Souza Neto, 27 anos e Everaldo Oliveira Santos, 34 anos, mortos na noite deste sábado (25) em uma casa no residencial Colina Park, bairro Nova Floresta, na zona Sul.

Segundo os policiais, o principal suspeito dos crimes é o ex-marido de Jaiane, identificado como Vinícius Walace, 28 anos, por motivos de ciúmes da ex-companheira. Os policiais confirmaram que o assassino utilizou uma pistola .45, que é de uso restrito, o que torna o crime ainda mais grave. Jaiane foi alvejada no peito e Everaldo no peito, ombro, coxa esquerda e clavícula.

Este tipo de armamento é geralmente de acesso exclusivo às forças armadas e algumas unidades especiais de polícia. Porém, as autoridades trabalham com várias hipóteses, incluindo vingança pessoal ou acerto de contas, devido à natureza violenta e premeditada do crime.

De acordo com relatos de testemunhas, o assassino já chegou no imóvel atirando, destruindo a porta de blindex. Ele matou primeiro a ex-esposa e encontrou Everaldo em um quarto. No local ainda estavam uma criança de um ano e 8 meses e uma adolescente de 14 anos, que se escondeu.

Source: Redação/CN
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0
Would love your thoughts, please comment.x
×

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Canal de denúncias